Prefeitura confirma intenção de comprar o Independência

Terminou agorinha há pouco, no Centro Administrativo, a entrevista coletiva na qual o prefeito Valdeci Oliveira, com a presença dos secretários Mauro Muller, Paulo Ceccim, Pedro Stangarlin e Altamir Campos, além do chefe de Gabinete, Alexandre Bento, apresentou a nova marca da administração, Desenvolvimento para Todos.
      Só que isso, como você já leu aqui, era o assunto menor do encontro. O que todos os coleguinhas queriam indagar, meeeesmo, era sobre a proposta de compra do prédio do Cine Independência, para ali instalar o “shopping popular”. Algo que, aliás, você já sabia – isso foi noticiado, aqui, ontem à noite (leia nota abaixo).
      Que não se diga que tenha faltado empenho. Todos perguntaram, mas o prefeito se recusou a antecipar quem (muito menos quais) irá ocupar o espaço, em caso de aprovação da proposta de compra, pela Câmara de Vereadores.
      Parece óbvio, no entanto, que tamanho esforço para concretizar a compra – algo que, certamente, não aconteceu em uma semana, exigindo longas negociações com o proprietário – não seria apenas para retirar artesãos e ambulantes do centro. É evidente que os camelôs estarão no projeto. Do contrário, convenhamos, ele não faria sentido.
      A explicação única, e válida, para a cautela do Executivo parece ser o fato de terem, os administradores, a preocupação de, primeiro, negociar a compra do prédio e, segundo, conciliar de alguma maneira os interesses dos camelôs.
      De minha parte, considero aceitável essa precaução. No entanto, se os camelôs, eventualmente, continuarem ocupando o espaço público, na rua, bem, nesse caso não terá qualquer sentido a alocação de mais um espaço da comunidade. Portanto, quero crer que tenha sido só e somente só isso, cautela. E nada mais.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *