Quem fica no lugar de Severino. Aldo virou favorito

Como se previa, aqui mesmo, Aldo Rebelo, do PC do PB, com apoio do governo, e José Thomás Nonô, do PFL, foram os mais votados e disputaram o segundo turno do pleito que elege o novo presidente da Câmara dos Deputados. Acabou há instantes a votação e já vai começar a apuração – que deve demorar, quem sabe, algo como uma hora, pouco mais ou menos.

Com os acordos pós-primeiro turno, em que PP e PTB decidiram apoiar Aldo, o candidato abençoado pelo Palácio do Planalto tornou-se favorito. A menos que tenham ocorrido traições. Algo que, convenhamos, não é impossível. De qualquer forma, não vai demorar para se saber.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *