A avaliação. Só a divulgação do material gravado nos depoimentos pode retirar a dúvida

A jornalista Tereza Cruvinel, de O Globo, é um dos profissionais que tratou do caso da suposta intimidação dos repórteres da revista Veja por policiais federais, durante depoimento em São Paulo. E ela tem uma sugestão para esclarecer de vez o caso, até aqui com versões contraditórias. Leia o que ela escreve, em sua página na internet:

”Incidentes com a imprensa

Se o depoimento dos jornalistas da Veja transcorreu mesmo sob clima de intimidação, é lamentável. Um equívoco da PF, que prefiro atribuir a seus excessos enquanto organização que opera com tanta autonomia, não a uma orientação do governo. Os sinais são contraditórios, pois o presidente agora está disposto a conceder mais entrevistas, e começou fazendo isso logo depois de reeleito.

Pelo que sei, a intenção é construir uma relação melhor com a imprensa. Seria estupidez comprar esta briga, partir para este confronto agora. Aos que disseram não ter visto nada na coluna sobre o assunto, digo que não leram seu final. Ali está escrito exatamente que se o presidente quer entendimento, devia pedir logo a PF que se concentre nas investigações sobre o dossiê, esclarecendo tudo logo de uma vez, ao invés de ficar intimidando jornalistas.

O episódio dos militantes agredindo repórteres também foi muito ruim, mas este ainda pode ser creditado à exaltação da vitória. O da PF é diferente, partiu de uma instituição do Governo, que neste momento deve dar provas de suas melhores intenções, no sentido da pacificação do ambiente político. O presidente tentou isso ontem com seu pronunciamento, mas a PF criou logo uma crise. Só tem uma forma de esclarecer isso: divulgando a gravação do depoimento dos jornalistas. Chamá-los a depor não é crime, são brasileiros como outros. O que não se pode 酔


SE DESEJAR ler a íntegra do artigo, pode fazê-lo acessando a página da jornalista na internet, no endereço http://oglobo.globo.com/blogs/tereza/.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *