Arquivo

Prejuízo político. Santa Maria está à beira de perder dois representantes no Governo Federal

Guilherme Cassel, nascido, criado e formado (engenharia) em Santa Maria, é ministro do Desenvolvimento Agrário desde abril do ano passado – quando o titular, o também gaúcho Miguel Rossetto se desincompatibilizou para concorrer ao Senado. São evidentes os sinais que Cassel voltará ao Estado, como técnico da Fazenda Estadual concursado – a menos que lhe seja oferecida (e aceita) outra posição em Brasília. Sim, porque ministro não mais deverá ser, sendo substituído por outro nome indicado pelo PT – o deputado federal Pedro Eugênio, de Pernambuco.

 

O outro santa-mariense (aqui se formou, também em Engenharia) que corre o risco de deixar o cargo é o diretor do Departamento Nacional de Infra-estrutura (DNIT), Hideraldo Caron. Quem quer o lugar dele é o governador de Mato Grosso, Blairo Maggi, recém chegado do PPS (Partido Popular Socialista) para o PR (Partido da República), e que apoiou o presidente Lula no segundo turno da eleição presidencial.

 

Maggi, segundo notícia da Folha Online, o braço de internet da Folha de São Paulo, está agora cobrando a fatura. O governador, na carona de Alfredo Nascimento, também do PR, que será o ministro dos Transportes, quer o cargo de Caron para o seu principal assessor, Luiz Antônio Pagot. Entre outros quatro ou cinco cargos de terceiro escalão que está pleiteando ao Presidente. Se ele levar, Santa Maria perde – e haveria riscos para a complementação das obras da BR 158, que avançaram sob o comando de Caron.

 

SE DESEJAR ler a íntegra da notícia da Folha Online, sobre as pretensões de Blairo Maggi, clique aqui.

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo