Arquivo

Coluna Observatório. “Afinal de contas, qual é mesmo a do ex-prefeito José Farret?”

A pergunta aposta ao título desta nota foi feita por pelo menos duas pessoas, esta semana. São cidadãos interessados em política. Nenhum deles marinheiro de primeira viagem. E que, na verdade, provavelmente sabem a resposta.

 

José Haidar Farret, a depender dos murmúrios, estaria propenso a fechar com Cezar Schirmer em troca do compromisso de apoio para nova tentativa à Assembléia, em 2010. É improvável que a versão seja verdadeira. Não porque Schirmer rejeite Farret, muito pelo contrário. Ele (e a torcida Gre-Nal inteira) quer o apoio do ex-prefeito. O considera fundamental para o confronto com Paulo Pimenta (que, como se sabe, é colorado – e farrezista desde criancinha).

 

A questão é que promessa desse tipo não pode ser feita. Exceto para ser descumprida, o que não é do feitio de Schirmer. Afinal, até as pedras sabem que o PMDB não abdicará da candidatura própria à Assembléia. Então…

 

E volta a pergunta: qual é mesmo a do Farret? Essa mesmo: candidatar-se a prefeito. Pelo PP, se possível. Se não…

 

PS: não concorrer é uma hipótese concreta, também. Mas apoiar alguém explicitamente…

 

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo