Arquivo

Coluna Observatório. “Qual o jogo de Pozzobom? 2008. Ou 2010”

Os movimentos de Jorge Pozzobom, em relação ao pleito de 2008, são bem claros. Um, para o público interno, é de incentivo à possibilidade de candidatura própria dos tucanos à Prefeitura. Outro, mais realista, aponta para o esboço de uma aliança. Que pode tê-lo ou não na cabeça. Sim, a possibilidade de não fechar com o frentão que terá Cezar Schirmer, do PMDB, como comandante, também existe. 

 

Ou haveria outra motivação para que o vereador assuntasse, desde já, profissionais da área de comunicação para uma eventual corrida majoritária? Até mesmo gente que trabalhou com Valdeci Oliveira (e o petista venceu duas vezes, afinal de contas) foi contatada. Ou o presidente do PMDB está pensando na eleição para deputado (estadual ou federal?) em 2010?

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo