Arquivo

EXTRA. Incêndio político no Palácio Piratini. Não se sabe ainda quantos, mas haverá mortos

O vice-governador Paulo Feijó é o incendiário e os bombeiros estão em falta. Ele gravou conversa de cerca de 20 minutos com o Chefe da Casa Civil, César Buzatto, na semana passada. No conversê, o principal nome do Governo do Estado admite a existência de irregularidades (para ser brando) no Detran e no Banrisul e diz que “é assim que os partidos se financiam”.

 

O mais grave: pergunta a Feijó “qual o preço” dele, para mudar de posição. O mundo veio abaixo no Palácio Piratini e o mínimo que se diz, no meio político, é que um dos “mortos” no incêndio, obrigatoriamente, é Buzatto. Que deverá deixar o governo do Estado junto com Delcio Martini, da Secretaria Geral, convocado a depor na CPI do Detran.

 

Nesse exato momento, a gravação da conversa (feita por Feijó, que entregou o conteúdo ao Ministério Público de Contas, à Polícia Federal e à CPI do Detran) está sendo reproduzida na Assembléia Legislativa, para verdadeiro estupor de todos quantos a escutam.

 

Voltaremos ao assunto, por certo.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo