Arquivo

Não custa lembrar. Vai começar mais uma edição da grande festa da economia solidária

Confira a seguir a nota que publiquei na manhã de 9 de julho de 2007, uma segunda-feira:

“Exclusivo. Só aqui você lê a Carta de Santa Maria, divulgada pela Feira da Economia Solidária

Um documento assinado por todas as entidades participantes da 3ª Feira da Economia Solidária do Mercosul, que reuniu centenas de participantes, e milhares de visitantes, no Terminal de Comercialização, aos fundos do terreno da Basílica da Medianeira, foi divulgado no final da tarde de domingo.

 

A mídia grandona (e a que se acha) não deu muita bola à “Carta de Santa Maria”. Sem entrar no mérito, mas reconhecendo a importância do texto, o estou publicando na íntegra. Basta ir ao lado, em Artigos, e procurar Documentos. Clique ali e o encontrará. Acabo de postá-lo. (Nem tão) Modestamente, acho importante a leitura.”

Para ler toda a Carta de Santa Maria, publicada naquele mesmo 9 de julho, clique aqui.

 

PASSADS EXATAMENTE UM ANO, vai começar uma nova edição da Feira da Economia Solidária, assim como da Feira Estadual do Cooperativismo e uma série de outros eventos decorrentes do principal. E aqui, neste (nem sempre) humilde sítio de internet você terá a cobertura integral. Pode aguardar. E acompanhar.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo