Arquivo

Notícia ruim. Se reduz, de novo, previsão da safra de grãos, uma das âncoras da economia

Essa é, sim, uma péssima notícia. A agricultura é uma das fortes âncoras da economia brasileira. E, se ela vai mal, pode contaminar todo o desempenho, a menos, claro, que se consiga bom preço – no caso dos produtos de exportação. Há, ainda, o risco de aumento do custo para os consumidores brasileiros.

 

Depois da supersafra de 2008, quando colheram-se estratosféricas 142,3 milhões de toneladas, agora, em 2009, segundo as últimas previsões, tanto do IBGE quanto da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), os números não serão tãão grandiosos, como você pode verificar a seguir, na reportagem de Jacqueline Farid, publicada na versão online d’O Estado de São Paulo:

 

“IBGE e Conab preveem queda na safra de grãos deste ano

Queda na produção de milho e problemas climáticos afetam estimativas, que ficam em 133 milhões de toneladas

 

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab)revisaram para baixo a estimativa de safra 2008/2009. A projeção do IBGE, de 133,3 milhões de toneladas de grãos, foi 1,2% menor em relação a maio e 8,7% menor do que a safra passada. A estimativa da Conab p caiu 0,3% em julho ante junho e 7,2% na comparação com o mesmo mês do ano passado.

Segundo o documento de divulgação do Levantamento Sistemático da Safra Agrícola (LSPA) do IBGE, “a redução frente ao mês passado resulta especialmente das perdas ocorridas com o milho safrinha no Paraná e de reavaliações nas estimativas do arroz, feijão e soja”.

Na comparação com a safra do ano passado, as três principais culturas, que respondem por 81,5% da área plantada, apresentam as seguintes variações de área: soja (+2,1%), milho (-4,3%) e arroz (+1,4%). Quanto à produção destes três produtos, apenas o arroz registra variação positiva (+ 4,3%). Já para a soja e o milho, a previsão é de retração da produção em 5,1% e 15,7%, respectivamente. A área total a ser colhida na safra atual é de 47,2 milhões de hectares…”

 

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo