Eleições 2010Internet

ELEIÇÕES 2010. Partidos se preparam para a grande novidade, o uso da internet

Internet será “500 vezes mais importante”, diz o peemedebista Padilha
Internet será “500 vezes mais importante”, diz o peemedebista Padilha

É possível que o Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, com quem está o projeto aprovado pelo Congresso, vete alguns dispositivos das regras eleitorais. Um é o “voto em trânsito”, possível nas capitais de Estado. Outro é a obrigatoriedade do voto escrito, extraído das urnas eletrônicas. Ambos são condenados pela Justiça Eleitoral, segundo manifestações feitas após a definição, semana passada, pela Câmara dos Deputados.

Lula tem até 2 de setembro para se definir. Mas uma coisa é certa: o uso da internet, da forma como foi definido por deputados e senadores, deve ser mantido. E, então, teremos uma campanha completamente diferente das últimas, com esse instrumento colocado à disposição de candidatos, partidos e eleitores.

Como essa mudança é certa, os partidos, especialmente os maiores, estão investindo bastante e se preparando firme para usar, de maneira inteligente e eficaz, a grande rede de computadores. E é exatamente este o mote de boa reportagem publicada no sábado pela Folha de São Paulo. O texto é assinado por Maria Clara Cabral e Fábio Zanini, com foto de Fabio Rodrigues Pozzebom, da Agência Brasil. Confira:

Com internet livre, partidos já preparam campanha na web

Com a liberação das campanhas na internet aprovada pelo Congresso, os partidos se preparam para investir na rede visando 2010, e alguns reclamam da timidez da nova legislação. Os objetivos são aumentar a arrecadação entre pessoas físicas, agora que a doação por meio da internet está autorizada, além de ganhar filiados e adeptos.

O PMDB lança em outubro sua nova página na internet. A aposta é a interatividade, possibilitando que os filiados participem de uma comunidade própria, nos moldes do Orkut. Outro investimento é fazer com que vídeos e rádios na web alcancem todas as regiões.

O partido já contratou sete profissionais com experiência na área e quer aumentar ainda mais a sua equipe. Na coordenação das mudanças está o deputado Eliseu Padilha (RS). “A internet vai ser várias vezes mais importante nesta eleição do que nas anteriores. Eu diria que não cem vezes mais, mas 500”, diz o deputado.

O PT, um dos primeiros no Brasil a usar a internet em larga escala, termina a construção de um estúdio, compra equipamentos e deve contratar uma empresa para formar até o fim do ano uma rede de TV e rádio transmitindo pela internet. A ideia é oferecer o material gratuitamente a rádios e emissoras do interior do país…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo