AssembleiaEleições 2010Partidos

NÃO CUSTA LEMBRAR. O dia em que o PMDB/SM blefou. E Pozzobom não deu conversa

Confira a seguir trecho da nota publicada aqui na manhã de 2 de abril de 2010, uma sexta-feira:

FORROBODÓ. Se Pozzobom decidir-se pela Assembléia, PMDB terá candidato a federal. Saiba quem

Como é sabido dos leitores do sítio, Jorge Pozzobom é o grande enigma deste momento, nos bastidores que decidirão os candidatos a deputado estadual e/ou federal tendo Santa Maria como base. Ele, de acordo com nota que publiquei ontem, ainda não se decidiu. Mas deixou claro que a retirada de José Farret da disputa para a deputação estadual é um fator que pode mudar o quadro. E, ainda que de forma bastante sutil, deu a entender que a definição de seu substituto para a secretaria de Relações Institucionais também é algo a ser avaliado, na hora em da formalização de uma candidatura: se à Câmara dos Deputados ou à Assembléia Legislativa. (Se desejar mais detalhes, clique AQUI)

Diante desse quadro de indefinição, parece evidente que o PMDB não gostou nadinha da história de o tucano, eventualmente, buscar outro rumo, que não aquele inicialmente tratado. A posição do partido, que me foi repassada ontem por seu presidente, Robson Zinn, me pareceu bastante clara: “Se o Jorge (Pozzobom) não for candidato a deputado federal, nós apresentaremos um nome”. Zinn não chegou exatamente a confirmar, mas a este repórter ficou evidente que o escolhido para a empreitada de fazer uma dobradinha com Tubias Calil (que concorre ao parlamento gaúcho) é o vereador João Carlos Maciel…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI

PASSADO EXATAMENTE UM ANO da publicação da nota, já se sabe tratar-se de um blefe. Que, a bem da verdade, não resistiu uma semana: o próprio Maciel descartou a possibilidade. Mas era tão óbvia a tentativa, que Jorge Pozzobom não deu a mínima. O resultado? 3 de outubro foi eloqüente.

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo