Eleições 2012JudiciárioPartidosPolítica

EM COMPENSAÇÃO… Se for criado, PSD, para efeitos de rádio e TV, será minúsculo

Imaginemos que o Tribunal Superior Eleitoral conceda o registro ao Partido Social Democrático. Aí, terá mais espaço físico na Câmara dos Deputados, como você leu na nota imediatamente anterior, logo abaixo. Afinal, terá parlamentares suficientes para pleitear isso, de acordo com as normas da Casa.

No entanto, participando do pleito de 2012, como terá direito, será um minúsculo, para efeitos de propaganda no rádio e na televisão. A razão é simples: esse tempo é definido pela eleição anterior, da qual não participou. Complicado? Nem tanto. Mas, para saber mais, confira o texto assinado por Mariângela Gallucci e Eduardo Bresciani, na versão online d’O Estado de São Paulo. A seguir:

Se for criado, primeira dificuldade do PSD é tempo de propaganda eleitoral

Se o PSD conseguir convencer o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a registrá-lo, o 28º. partido brasileiro enfrentará dificuldades típicas de siglas nanicas. Recém criado, o PSD deverá terá pouquíssimo tempo assegurado na propaganda eleitoral.

O TSE deverá retomar nesta terça-feira, 27, o julgamento no qual será decidido se o partido terá ou não registro. Até agora a relatora, Nancy Andrighi, votou a favor da legenda e o ministro Teori Zavascki concluiu que o processo deveria ser convertido em diligência.

Se for realmente criado, o PSD deverá ter cerca de 50 deputados federais, mas poderá ficar com um espaço restrito no horário eleitoral gratuito porque a divisão do tempo é feita com base na eleição. Antevendo o risco, a legenda já discute internamente a possibilidade de ir à Justiça para garantir mais tempo na propaganda e recursos do fundo partidário…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

SIGA O SITÍO NO TWITTER

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo