CONSUMIDOR. Vitor Hugo do Amaral Ferreira e a hipervulnerabilidade da criança diante da publicidade

“…A questão em pauta questiona como a criança/adolescente, em especial as crianças, irão distinguir os comerciais do restante da programação. Ganhar, ter e gastar, a mídia induz ao descontentamento com aquilo que se tem, criando uma orientação para atitudes de posse e consumo, levando as crianças a se preocupar com marcas, produtos e valores consumistas.

Os adolescentes com seus inúmeros gastos, com produtos eletrônicos e roupas de marca estipulam o que se determinou como necessário para seu bem-estar, para sua vida dita normal, para aceitação frente aos outros. Nas décadas anteriores, um aparelho de videogame era tido como um sonho, hoje adquirir faz parte de uma existência do sujeito, em que o prazer está na aquisição….”

CLIQUE AQUI para ler a íntegra do artigo “A publicidade e a (hiper)vulnerabilidade da criança/adolescente-consumidor”, de Vitor Hugo do Amaral Ferreira, colaborador semanal deste sítio. Advogado formado em Direito pela Unifra, com especialização (na área de Violência Doméstica contra Criança e Adolescente)  na USP e  mestrado em Integração Latino-Americana, Amaral Ferreira é também, entre outras atividades, coordenador do Procon/Santa Maria.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *