ECONOMIA SOLIDÁRIA. A uma semana dos eventos mundiais, organização espera 200 mil visitantes em SM

ECONOMIA SOLIDÁRIA. A uma semana dos eventos mundiais, organização espera 200 mil visitantes em SM - eco-solidária

Estrutura já começa a ser montada, no Terminal de Comercialização Dom Ivo Lorscheister

ECONOMIA SOLIDÁRIA. A uma semana dos eventos mundiais, organização espera 200 mil visitantes em SM - selo-ecosolVêm aí, outros grandes eventos da economia solidária – que tornam Santa Maria em referência no segmento. Com centenas de expositores, locais, regionais e até internacionais, a organização – a cargo do Projeto Esperança/Cooesperança – aguarda por estimados 200 mil visitantes.

Este sítio se orgulha de ser apoiador desde sempre. E, mais uma vez, abre espaço para todas as informações relativas às atividades que começam no dia 11, em material produzido pelo jornalista Maiquel Rosauro, que atua junto aos eventos da economia solidária. É dele o texto a seguir, como também da foto. Acompanhe:

 “Falta uma semana para o início do 2º Fórum e 2ª Feira Mundial de Economia Solidária

A estrutura do 2º Fórum, 2ª Feira Mundial de Economia Solidária e 20ª Feicoop já começa a ganhar forma no Centro de Referência de Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter, em Santa Maria. Os eventos iniciam na próxima quinta-feira, 11 de julho, e se estendem até o domingo, 14. São esperados cerca de 200 mil pessoas nos quatro dias de Feira.

A programação será divulgada nos próximos dias, mas já está confirmada a Caminhada pela Paz, que irá ocorrer no primeiro dia de evento em parceria com a Associação de Pais e Familiares das Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (ATVSM).

A caminhada deve partir por volta das 13h30min da Praça Saldanha Marinho em direção ao Centro de Referência em Economia Solidária Dom Ivo Lorscheiter. Após a chegada à Feira, será realizada uma homenagem a Dom Ivo e também as 242 vítimas da tragédia da boate Kiss.

Os eventos de Economia Solidária são promovidos pelo Projeto Esperança/Cooesperança, com o patrocínio de Sebrae, BNDES, Petrobrás, Sesampe do Governo Estadual e Senaes do Governo Federal.

No Fórum deste ano, também será comemorado os 10 anos da Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes), 10 anos do Fórum Brasileiro de Economia Solidária (FBES) e 30 anos de Economia Solidária da Cáritas Brasileira.”



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *