Política

NÃO CUSTA LEMBRAR. Dilma, o ministério e aquele debate sem sentido: porteira “aberta” ou “fechada?”

Confira a seguir trecho da nota publicada na tarde de 8 de julho de 2013, segunda:

NO PLANALTO. Dilma admite mudar ministério, mas não admite entregar pastas com a “porteira fechada”

Vamos combinar o seguinte: é normal que, para agregar apoios, os executivos dividam o governo entre partidos aliados. Em Brasília, Porto Alegre, Santa Maria ou na terra de dona Amélia (ou que nome tenha) é assim, se o regime for a democracia representativa.

Dito isto, parecem muito bonitas as palavras da presidente Dilma Rousseff. Afinal, admite (e nem poderia ser diferente) a possibilidade de mudanças noas pastas ministeriais, como forma de salvaguardar a tal de “governabilidade”, ao mesmo tempo em que busca assegurar alianças para 2014. Difícil é acreditar que possa sustentar a ideia de que a “porteira” estará aberta. Mas, o que é isso mesmo? Confira no material publicado hoje pelo jornal O Estado de São Paulo. A reportagem é de Vera Rosa. A seguir:

Dilma banca articulação política e refuta entregar ministérios de ‘porteira fechada’

… Pressionada a fazer uma reforma na equipe para garantir a governabilidade, a presidente Dilma Rousseff avisou ao PT e ao PMDB que não entregará ministérios com “porteira fechada” a nenhum partido da base aliada e disse não ter pressa para mudanças na equipe. A fórmula que…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI

PASSADO EXATAMENTE UM ANO da publicação da nota, e a troca de vários minustros (dois deles nos últimos dias, inclusive), já se sabe o óbvio: o conceito de porteira aberta ou fechada depende do poder de barganha dos pedintes e das necessidades de quem concede. Vale para lá. E para cá. Simples, não?

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo