EducaçãoUFSM

NÃO CUSTA LEMBRAR. Quem deu vitória a Burmann

Confira a seguir trecho da nota publicada na manhã de 4 de julho de 2013, quinta:

UFSM. Servidores e estudantes deram a vitória a Burmann, na sua terceira tentativa de chegar à reitoria

A história está repleta de exemplos de que derrotas podem levar a vitórias, mais adiante. Dois exemplos notórios. Um, na França, onde François Miterrand perdeu duas vezes, antes de virar Presidente. Outro, no Brasil: derrotado em três ocasiões, Lula conquistou, depois, dois mandatos seguidos.

Agora, a Universidade Federal de Santa Maria convive com semelhante caso. Paulo Burmann tentou em 2005 e 2009. Perdeu. Agora, ganhou. E é a hora da avaliação – mais adiante se chegará à análise do futuro – do pleito. E, de pronto, se percebe: entre seus iguais, os docentes, Burmann foi derrotado. O que foi amplamente compensado por suas estrondosas vitórias entre os servidores técnico-administrativos e estudantes. E isso, num pleito paritário, foi determinante…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI   

PASSADO EXATAMENTE UM ANO da publicação da nota, ninguém mais lembra da CPI – exceto, talvez, os eleitores ligados de alguma maneira aos familiares das vítimas. Até porque, cá entre nós, a Comissão cumpriu exatamente aquilo para o que se propôs. Isto é, dar em nada.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

4 Comentários

  1. Nada. Os estudantes ganharam o "adiantamento" da adoção do SISU e os demais ganharam a estatuinte.
    E para quem acha a reitoria "grande cousa", daqui vinte anos só sobra uma fotografia na parede (e no site) e ninguém mais lembra nem o nome (claro que isto não se aplica para o Dr. Mariano). Quem duvidar tente lembrar de cabeça o nome dos 3 reitores que antecederam o penúltimo.

  2. O ex-rector perdeu porquê tinha implantado o ponto e era contra as 30 horas… O novo reitor era contra o ponto e a favor das 30 horas (na campanha), mas agora que viu que é impossível fazer isso (abolir o ponto e dar 30h pra todo mundo) ficou tudo do mesmo.

    Só mudaram os cupinchas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo