ArtePrefeituraSanta MariaUFSM

MESTRES 2014. Uma mostra e tanto abre amanhã, no Museu de Arte. E os artistas são de Santa Maria

Obra de Carlos Donaduzzi, entre as disponíveis ao público, na mostra que estará no MASM
Obra de Carlos Donaduzzi, entre as disponíveis ao público, na mostra que estará no MASM

Faz parte do Mês da Cultura. E é com gente que atua na academia mas traz o seu trabalho investigativo, instigante e de qualidade para o lado de cá. Ok, ok, ok, a frase é por conta e risco do editor. Mas, creia, talvez faça sentido.

O fato é que se trata de uma exposição imperdível, para quem gosta de arte. Os detalhes chegam através da assessoria de imprensa da Prefeitura. O texto é de Vera Jacques e a imagem é do catálogo do 9º Simpósio de Arte Contemporânea. Acompanhe, a seguir:

Arte e contemporaneidade: Sala Iberê Camargo recebe, a partir desta quarta (20), Exposição Mestres 2014   

A Sala Iberê Camargo, equipamento cultural que faz parte do Museu de Arte de Santa Maria (Masm), será palco, a partir desta quarta-feira (20 ) até o dia 29 deste mês, da Exposição  Mestres 2014. A mostra, que terá sessão de abertura na quarta, às 17h30, apresenta artistas como Carlos Donaduzzi, Cleandro Tombini, Elias Maroso, Maristela Eisenberg e Simone Rosa, do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)/PPGART.  A Exposição Mestres 2014 é uma promoção e realização do PPGART, com apoio da Prefeitura de Santa Maria. A Sala Iberê Camargo está localizada no 2º andar do Arquivo Público Municipal, na Rua Appel, 900.

Utilizando-se de Linguagens artísticas diferenciadas, como desenho, pintura, fotografia, vídeo e arte digital, os artistas desenvolvem uma pesquisa em poéticas visuais, fundamentada no diálogo entre a arte e a contemporaneidade. Carlos investiga a fotografia no ambiente aquático para retratar em cada imagem cenas do cotidiano, gerando um estranhamento como, por exemplo, tomar café embaixo d`água. Cleandro Tombini propõe a construção de um campo pictório tridimensional acumulando matéria, contrapondo objetos reais, a fim de revelar uma profundidade ilusória.

Elias Maroso projeta uma animação digital em 3D, explorando composições volumétricas, atento à estética das intervenções urbanas.  Maristela Eisenberg trata a pintura como uma experiência pessoal sobre a temporalidade, evidenciando a repetição e a diferença na série Transeuntes. Simone Rosa apresenta o vídeo Invenção de Paisagens Urbanas, no qual também propõe cruzamentos temporais entre o tempo da arte, o tempo da vida cotidiana, a impossibilidade de voltar no tempo, o cruzamento destes tempos, desconstruindo-os. Conforme análise da curadora, Nara Cristina Santos, Mestres 2014 aproxima da comunidade santa-mariense a investigação desenvolvida no âmbito acadêmico, contribuindo para a formação artístico-cultural da região…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo