OBSERVATÓRIO. O “aperto do cinto”, na UFSM

APERTO – Contingenciamento de um terço do orçamento, por determinação do Governo Federal, não terá efeitos sobre salários, por exemplo. Mas implicará, na UFSM, ao menos momentaneamente, em restrições para viagens, quem sabe congressos e eventos afins e, com certeza, em marcha lenta nas obras físicas.



1 comentário

  1. Jack Baranhas

    E começou…

    Alguns programas de pós-graduação já cortaram as passagens aéreas pra bancas externas…

    Não vai mais ter a farra da Azul aqui na UFSM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *