Santa MariaTransporte

TRANSPORTE. Reconhecimento facial de gratuidades pode ser implantado ainda em 2015. É a meta da ATU

Serão equipados 230 carros da frota do SIM. Destes, 130 são da Expresso Medianeira
Serão equipados 230 carros da frota do SIM. Destes, 130 são da Expresso Medianeira

A instalação dos equipamentos que permitirão o reconhecimento biométrico dos usuários do transporte coletivo de Santa Maria que têm algum tipo de gratuidade (idosos e estudantes, por exemplo) já começou. E o objetivo da Associação dos Transportadores Urbanos é que em 90 dias o sistema possa já estar funcionando.

Há uma grande preocupação no sentido de facilitar para o usuário, que terá que se recadastrar, de forma a ser inserido no novo sistema. São cerca de 50 mil passageiros habituais, dos quais 60% são estudantes. Sobre isso, e também a propósito dos novos equipamentos, vale conferir material disponível na versão online do jornal A Razão. A reportagem é de Ramiro Guimarães, com foto de Deivid Dutra. A seguir:

ATU inicia instalação dos equipamentos de biometria na frota de ônibus

A próxima grande mudança no transporte coletivo de Santa Maria já começa a virar realidade nas garagens. Desde o início desta semana está sendo instalado nos primeiros ônibus o equipamento que permitirá o reconhecimento facial dos passageiros que possuem gratuidades e benefícios, como idosos e estudantes. A câmera de alta resolução ficará integrada ao dispositivo já existente nos veículos e que faz a leitura dos cartões do Sistema Integrado Municipal (SIM). Assim, no momento em que o usuário passar pela roleta, uma imagem será captada para conferir se ele é mesmo o dono do cartão.

“Além de combater as fraudes, o importante é que teremos números mais precisos. Saberemos quem são e até quais os perfis dos usuários do sistema”, destaca o diretor da Expresso Medianeira e presidente do SIM, Victorino Saccol.

Serão equipados com o sistema de reconhecimento facial fornecido pela Empresa 1, de Minas Gerais, os 230 carros da frota do SIM. Ao final do dia, quando voltarem para as garagens das empresas, os ônibus irão enviar, via Internet, as imagens captadas de todos os passageiros e a conferência com as fotos cadastradas no banco de dados do Município. Tudo isso será feito pelo programa de computador que foi adquirido junto com equipamento. As informações que não forem compatíveis passarão ainda por uma checagem humana. É importante é destacar que, mesmo quem não for “reconhecido” na foto tirada pela câmera não será parado na roleta. Se for caracterizado o mau uso de gratuidade ou benefício no transporte coletivo, as sanções serão aplicadas posteriormente.

ATU quer sistema operando antes do prazo a Prefeitura

A partir da assinatura do Decreto Executivo Nº 87/2015 pelo prefeito Cezar Schirmer, em 16 de setembro, as empresas de ônibus que integram a Associação dos Transportadores Urbanos (ATU) de Santa Maria receberam 120 dias para colocar em funcionamento o processo de biometria facial para o reconhecimento dos usuários do Sistema Integrado Municipal (SIM). O prazo, portanto, termina em meados de janeiro de 2016. Porém, de acordo com o presidente da ATU, Luiz Fernando Maffini, a meta é colocar a novidade na rua em cerca de 90 dias. Se tudo der certo, ainda  em 2015…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

PARA LER OUTRAS REPORTAGENS DE ‘A RAZÃO’, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo