EconomiaSanta Maria

NÃO CUSTA LEMBRAR. Os cinco anos da Agência de Desenvolvimento de Santa Maria. Sim, já faz tudo isso

Confira a seguir trecho da nota publicada na madrugada de 18 de abril de 2015, sábado:

DATA. Agência de Desenvolvimento chega aos 4 anos. Plano Estratégico de Desenvolvimento é um dos saldos

Uma iniciativa que começou com as empresas e entidades privadas e que contou com a participação efetiva, inclusive do ponto de vista econômico, do poder público, chega neste sábado aos quatro anos. É o tempo de vida da Agência de Desenvolvimento de Santa Maria.

A Adesm produz uma série de ações que têm como meta, e o seu nome não desdiz, o desenvolvimento sustentável da comunidade. Abaixo você confere um material produzido e distribuído pela Assessoria de Comunicação da Agência e que, de certa forma, é um balanço do que aconteceu ao longo dos últimos quatro anos e os resultados que já são possíveis de aferir. O texto e a foto são deMarielle Flôres. Acompanhe:

ADESM completa quatro anos de desafios e conquistas

Neste sábado, 18 de abril, a Agência de Desenvolvimento de Santa Maria completa quatro anos de sua fundação. Durante este período, a ADESM realizou uma série de ações para fomentar o desenvolvimento sustentável de Santa Maria, incluindo a elaboração de um Plano Estratégico de Desenvolvimento. Hoje, já consolidada, a Agência faz parte do cotidiano e da história dos santa-marienses…” 

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI       

PASSADO EXATAMENTE UM ANO da publicação da nota, ninguém discute, imagina o editor, a existência de um instrumento como a Adesm. Mas não custa perguntar: quem segue o plano estratégico elaborado pela cidade? Partidos e candidatos o louvarão, pela enésima vez, daqui a alguns meses. Mas, e quem tem poder, dá alguma bola para o (excelente) documento? Calma, gente, são apenas perguntas.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo