Claudemir PereiraInternet

DO FEICEBUQUI. Tiros que viraram vento; pela volta da autoajuda e um nojo da soberba de alguns políticos

O editor tem publicado observações curtas (ou nem tanto) no seu perfil do Feicebuqui que, nem sempre, são objeto de notas aqui no sítio. Então, eventualmente as reproduzirá também para o público daqui. Como são os casos desses textos, que foram postados na rede social nas últimas horas – um deles do amigo Atílio Alencar. Confira:

selo-eleicoesCOMO ASSIM?!

Quer dizer, então, que os “tiros” contra o comitê de um candidato da capital, que ganharam as manchetes, foram, na verdade, ventos fortes? – conforme conclusão da polícia.

Quicoisa!

É inevitável lembrar de certa campanha eleitoral e certa bolinha de papel que havia sido anunciada como “objeto contundente contra a cabeça”, com direito a hospitalização de um certo candidato a Presidente.

CONFESSO:

Não vejo a hora de o FB virar outra vez um grande futebol e um festival de mensagens edificantes de autoajuda.

Algumas manifestações (de pessoas que conheço, inclusive) beiram o nojo.

Lamento, inclusive, conhecer esse lado delas.

Que volte o debate Gre-Nal, é minha bandeira.

O DESABAFO…

…irado do Atílio Alencar, inconformado com determinado tipo de comportamento:

“O nojo que dá olhar um político profissional esnobando uma pessoa comum falando daquilo que deveria ser a coisa mais comum do mundo: a política.

Sério, dirigentes e devotos partidários. Reinventem essa bagaça, ou logo não vai adiantar xingar de alienado quem sente asco pela lógica mercenária da máquina eleitoral.

Ninguém leva mais a sério o caô ideológico mascarando os mesmos vícios autoritários.”

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo