Destaque

COLUNA. Nesta sexta, em A Razão, a mudança de estratégia de um candidato. E manutenção, pelo outro

Debate de segunda, na Cacism, já mostrou as posturas a ser adotadas durante a semana por Pozzobom e Valdeci (foto Deivid Dutra/A Razão)
Debate de segunda, na Cacism, já mostrou as posturas a ser adotadas durante a semana por Pozzobom e Valdeci (foto Deivid Dutra/A Razão)

“…A última semana de campanha, que encerra amanhã, apresenta a primeira e pra lá de significativa mudança. No caso, a estratégia de Jorge Pozzobom (PSDB), até aqui somente propositiva, como sempre declarou, passou a ser bem mais agressiva. E, destaque-se, claramente ideologizada. Provavelmente, imagina o colunista, tem informações de que isso é o melhor para a sua tentativa de chegar à prefeitura.

E é, também, registre-se, a única (e significativa) mudança de comportamento. O adversário, Valdeci Oliveira (PT), segue a mesma toada desde o início da campanha. Exceto por algumas poucas estocadas, mantém-se “acima” do seu partido, que é o alvo de seu adversário, como se percebe ouvindo os carros de som que percorrem a cidade.

É impossível afirmar o…”

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

  1. Santa Maria da Boca-Que-Só-Sabe-Se-Autoelogiar vai ter novo prefeito. Só que não tem nenhum Jaime Lerner concorrendo. Para quem não lembra é o prefeito nomeado pelos militares para Curitiba (depois foi eleito prefeito e governador do PR duas vezes) que não só revolucionou a cidade como colocou-a no mapa.
    Ideologia é um conjunto de idéias, como tal é objeto de estudo e debate. Não é algo que se repete feito mantra, mera papagaiagem.
    A revista The Economist outra semana publicou um artigo sobre a Alemanha. Discussão sobre o trabalho de um sujeito chamado Max Weber, a ética da convicção (Gesinnungsethik) e a ética da responsabilidade (Verantwortungsethik).
    Para encurtar uma história longa, os adeptos da ética da convicção não se importam com as conseqüências que suas políticas provocam no mundo real. Basta a boa intenção. Se não der certo, o mundo está errado e a estupidez humana é responsável. Os outros são responsáveis.
    Adeptos da ética da responsabilidade têm outra visão. Eles entendem as imperfeições das pessoas, sabem que não podem contar com a “bondade” e “perfeição” dos outros. Estes políticos assumem responsabilidade por todas as consequencias de seus atos, mesmo as não previstas.
    Para grande parte dos alemães o idealismo impraticável é imoral. Um dos motivos pelos quais a Alemanha é Alemanha e o Brasil é Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo