Destaque

NOVO GOVERNO. O inusitado é Pozzobom secretário da Saúde. Anunciados os titulares do Primeiro Escalão

Jorge Pozzobom, no anúncio do primeiro escalão, na manhã passada. Ele próprio é a maior surpresa, ao assumir a pasta da Saúde
Jorge Pozzobom, no anúncio do primeiro escalão, na manhã passada. Ele próprio é a maior surpresa, ao assumir a pasta da Saúde

Por JOYCE NORONHA (texto) e GABRIEL HAESBAERT (foto), no jornal A Razão

O prefeito eleito Jorge Pozzobom (PSDB) surpreendeu ao anunciar, na manhã desta segunda-feira, que será o secretário de Saúde em seu próprio governo. “Não poderia transferir as minhas responsabilidades para outros. Durante toda a campanha eu disse que a Saúde será o principal foco da gestão. Então é isso, eu vou cuidar da pasta. Pelo menos nos primeiros seis meses”, informou o tucano. A possibilidade de Pozzobom assumir a Saúde foi antecipada com exclusividade pelo Jornal A Razão na edição de ontem (segunda), assim como a troca do procurador-geral, que seria o advogado Giovani Bortoloni, membro da Comissão de Transição. Uma questão de ordem legal impediu que ele assumisse o cargo.

Além de se apresentar como titular da pasta, Pozzobom apresentou à imprensa e aos presentes no Salão Flamboyant, do Hotel Itaimbé, os demais componentes do secretariado (veja todos os nomes abaixo).

O prefeito eleito confirmou que a administração será composta por 12 pastas, mais alguns órgãos, como a inédita Casa Civil, que será comandada pelo braço direito do tucano, Guilherme Cortez, a Controladoria e Auditoria Geral, o Gabinete de Governança e a já existente Procuradoria Geral. Além disso, Pozzobom anunciou a criação do Gabinete de Governança da Saúde, que será composto por sete pessoas (incluindo ele) que trabalharão para resolver os principais problemas da pasta a curto prazo. “É uma vergonha. Atualmente temos 15 mil pessoas na fila de espera para exames. Temos que reduzir isso logo, em seis meses, no máximo em um ano”, observou Pozzobom.

GABINETE DA GOVERNANÇA

O futuro chefe do Executivo informou que assim como vem ocorrendo na transição, a administração terá um Gabinete de Governança para unificar o trabalho de todas as secretarias, a Câmara de Vereadores e a Prefeitura. O órgão terá o atual secretário de Desenvolvimento Institucional, Carlos Pippi Brisola, como coordenador Executivo, o vereador do PP Paulo Airton Denardin na Assessoria Superior de Relações Legislativas e a vereadora do PR Anita Costa Beber na Assessoria Superior de Políticas do Interior.

GABINETE DE GOVERNANÇA DA SAÚDE

A aposta de Pozzobom para resolver a situação da Saúde a curto prazo é o Gabinete de Governança da Saúde, que será encabeçado por ele, como secretário. O órgão ainda terá como secretária-adjunta Ana Paula Seerig, como assessora de Planejamento e Gestão de Projetos, Adriana Krum, e como superintendente administrativo-financeiro, Heverton Prates. Ainda vão compor o grupo uma Superintendência de Atenção Especializada e Hospitalar, que terá Liliane Mello Duarte no comando, uma Superintendência de Atenção Básica, com Maria Suzana Lopes, e uma Superintendência de Vigilância em Saúde, liderada por Alexandre Streb.

O TIME TITULAR DO GOVERNO POZZOBOM/CECHIN

ALEXANDRE LIMA

Controladoria e Auditoria Geral

É empresário e presidente do PSDB de Santa Maria. Na década de 1990, atuou como secretário de Indústria, Comércio e Turismo na gestão do então prefeito José Haidar Farret. Nas eleições de 2012, concorreu a vice de Pozzobom.

VILSON SERRO

Instituto de Planejamento (Iplan)

É engenheiro, empresário e diretor-presidente da Agência de Desenvolvimento de Santa Maria (Adesm). Foi chefe do Escritório da Cidade (atual Iplan) no governo Valdeci Oliveira (PT).

JEAN-PIER DE VASCONCELLOS  ESQUIA

Secretaria de Finanças

É administrador, professor universitário e especialistas em finanças públicas

JOÃO CHAVES

Secretaria de Desenvolvimento Social

Formado em Gestão Pública, é vereador e foi reeleito para o segundo mandato pelo PSDB. Porém, deverá pedir licença da Câmara para assumir a vaga no secretariado. A suplente da coligação, pastora Lorena (PSDB), deverá assumir a cadeira no Legislativo

ANGELA PISANI

Secretaria de Estruturação e Regulação Urbana

É arquiteta e urbanista. Atua como professora universitária

RODRIGO MENNA BARRETO

Secretaria de Desenvolvimento Rural

É médico veterinário, especialista em bovinocultura leiteira e reprodução de bovinos. Comandou a mesma pasta nos oito anos de gestão Schirmer/Farret. É filiado ao DEM

PAULO ROBERTO DE ALMEIDA ROSA

Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos

Coronel do Exército da reserva, tem formação em Política Estratégica de Alta Administração. É comandante da Companhia de Comando da 3ª DE, do 29º BIB e Chefe do Estado Maior da 3ª DE

ROSSANA SCHUCH BOEIRA

Procuradoria Geral

É bacharel em Direito e trabalhou mais de 20 anos como procuradora do Estado

GUILHERME CORTEZ

Casa Civil e Secretaria de Gestão e Modenização Administrativa

Braço direito de Pozzobom, atua como chefe de Gabinete do deputado na Assembleia Legislativa. Acompanha o futuro prefeito há seis anos e acumulará duas atividades no primeiro escalão. Será um dos supersecretários.

LÚCIA MADRUGA

Secretaria de Educação

Professora universitária, tem experiência em gestão pública universitária e atua na área de administração com ênfase em gestão de pessoas e gestão pública

MARTA ZANELLA

Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer

Já atuou como secretária municipal de Assistência Social. É professora aposentada e vereadora pelo PMDB. Foi reeleita para o segundo mandato, mas deve pedir licença da Casa para assumir a vaga no secretariado. O suplente da coligação, João Kaus (PMDB), deverá assumir a cadeira no Legislativo

EWERTON FALK

Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação

Economista, empresário e presidente da Câmara de Dirigentes e Lojista (CDL) Região Centro. Concorreu a vice-prefeito pelo PDT, na chapa de Marcelo Bisogno

SANDRA REBELATO

Secretaria de Mobilidade Urbana

Professora, advogada e vereadora, também atuou como Defensora Pública. É filiada ao PP, partido do vice-prefeito eleito

ANDRÉ AGNE DOMINGUES

Secretaria de Meio Ambiente

É advogado, professor universitário e mestre em Direito Público. É filiado ao PSDB, partido pelo qual concorreu a vereador e ficou na segunda suplência

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

3 Comentários

  1. Eu vjo como desnecessaria essa secretaria de mobilidade urbana…
    E o que a futura secretaria entende…ainda se tivesse gormaçao em trafego…mas nem engenheira eh…
    Essa ficou no ar…

  2. O homem espera e quer mudanças na saúde , no entanto mantém toda a equipe anterior??Não entendi…Só falta deixar a sra Vania,ou traze-la de volta daqui uns meses.É um quadro de ineficiência comprovado. é de doer….Ou quem sabe deixar o chanceler tomar conta da doença.Puts….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo