SAÚDE. Prefeitura de SM participa, em Brasília, de congresso nacional dos secretários municipais da área

SAÚDE. Prefeitura de SM participa, em Brasília, de congresso nacional dos secretários municipais da área - prefeitura-congresso-saúde

Congresso foi realizado Centro de Convenções Ulisses Guimarães e contou com representantes da área da Saúde de várias cidades do país

Por MARIANA FONTANA (com foto de Divulgação), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

Buscando qualificar o trabalho desenvolvido na área da Saúde do Município, a Prefeitura de Santa Maria participou, na última semana, do XXXIII Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde. O evento foi realizado entre os dias 12 e 15 de junho, em Brasília, e reuniu secretários municipais, dirigentes e profissionais da área.

O superintendente administrativo-financeiro da Secretaria de Saúde de Santa Maria, Heverton Prates, e o gerente administrativo setorial, Christian Lacorte, representaram a Prefeitura no evento, que teve como tema “Diálogos no Cotidiano da Gestão Municipal do SUS”. O congresso foi realizado no Centro de Convenções Ulisses Guimarães e contou com palestras, oficinas, seminários, cursos e mesas que discutiram, entre outros assuntos, temas relacionados à gestão municipal do Sistema Único de Saúde (SUS).

Conforme Prates, entre os temas abordados, esteve a questão da Unificação dos Blocos de Financiamento da Saúde e a mudança na forma como os recursos serão disponibilizados. Segundo ele, até então, os recursos destinados às secretarias municipais de Saúde são liberados individualmente para cada área, como por exemplo, para a a atenção básica, para as políticas de Saúde, para as superintendências, entre outros. A partir de janeiro de 2018, a disponibilização dos recursos será unificada e em blocos, sendo que serão destinadas verbas, de forma geral, para custeio e material permanente.

“Nossa participação no congresso foi muito proveitosa. Os palestrantes eram muito qualificados, e eram temas que têm impacto direto no dia a dia da secretaria. Essa unificação dos blocos de financiamento será muito positiva, pois vai melhorar a utilização dos recursos, de uma forma que eles não ficarão engessados e poderemos ampliar as áreas em que eles serão utilizados”, explica Prates.
Conforme o superintendente, a equipe da Prefeitura de Santa Maria também participou de outro seminário, que abordou a gestão de custos e fundos de saúde. Na ocasião, foram apresentados aos gestores os conceitos, métodos e sistemas da gestão de custos no âmbito do SUS, bem como repassada orientações sobre a prestação de contas dos recursos financeiros.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *