JORNALISMO. Quarta-feira é dia de estreia no site

JORNALISMO. Quarta-feira é dia de estreia no site

JORNALISMO. Quarta-feira é dia de estreia no site - mauricio-brum-siteQuem passa a escrever a partir de quarta-feira para, conforme o Google Analytics,  os milhares de leitores únicos do www.claudemirpereira.com.br, o que muito honra este editor, é o jornalista Mauricio Brum (foto – de reprodução).

O cara tem um talento pra lá de especial, na avaliação deste escriba, que acompanha com muita atenção, desde sempre, seus escritos, sobretudo sobre esporte, especialmente futebol  – esse será seu tema preferencial por aqui, mas também é liberado para escrever sobre o que quiser.

Vai daí que, semana passada, o convite foi feito e, ainda bem, aceito. Agora, os leitores deste site poderão usufruir deste talento.

Mas, quem é Maurício?

Ele  é jornalista formado pela UFSM e mestre em História pela UFRGS, instituição onde atualmente cursa o doutorado na mesma área. Foi um dos editores do portal Impedimento, dedicado a futebol e cultura da América do Sul. Autor de três livros-reportagem, atua hoje como repórter freelancer, tendo colaborado com as revistas Superinteressante, Galileu e Piauí, além dos jornais Sul21 e Gazeta do Povo.

Pronto. Ele está a partir de quarta-feira, semanalmente, no site.

Muito bem vindo, Mauricio.



3 comentários

  1. Jorge

    Dá até medo. Será mais um vermelhinho, Brando?

    Que seja bem-vindo. Não se assuste. k k k ….

    NOTA DO SITE – ao que o editor sabe, o cara é azul, preto e branco. Kkkkk

  2. O Brando

    Tche Jorge, não tem como não ser. Dissertação de mestrado: “Um jacarandá em Santiago: o radicalismo político no Chile pela trajetória militante de Nilton Rosa da Silva (1971-1973)”. É sobre um sujeito morto pela “ultradireita” no tempo do Allende.
    Vermelhinho por si só não diz muito, tenho uns parentes que sofrem da doença. Se Maurício escrever no nível Piauí e Gazeta do Povo dá para prestigiar. Se for no nível Superinteressante, ignora-se. O mestrado e o doutorado não diz muito, muitos “doutores” em Santa Maria escrevem como se tivessem ganho o título numa rifa.
    Saudações Tricolores!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *