Cultura

CARNAVAL. Prefeitura recebe de escolas de samba projeto para realização da festa de rua de 2018

Secretária de Cultura, Esporte e Lazer reafirmou aos presidentes das agremiações que o Executivo é parceiro das escolas. Foto João Alves

Por Maurício Araujo / Prefeitura de Santa Maria

Dando continuidade às reuniões de trabalho para projetar o carnaval de rua do Município em 2018, a Prefeitura de Santa Maria recebeu, na tarde desse sábado (30), os presidentes das escolas de samba da cidade. Na oportunidade, os representantes das agremiações entregaram à secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Marta Zanella, um projeto para viabilizar a festa popular no Município.

Os presidentes também se comprometeram a entregar à Secretaria, até o dia 16 de outubro, os documentos solicitando áreas do Município, para que possam realizar os ensaios. A secretária de Cultura destacou que a Prefeitura é parceira das escolas e, assim como as agremiações, quer o carnaval de rua em 2018. No entanto, devido a contenção de gastos e o projeto de austeridade da Administração, o Executivo não disponibilizará recursos municipais às escolas de samba.

“A Prefeitura, assim como as escolas, quer o carnaval. Somos parceiros e, por isso, estamos realizando estas reuniões, para viabilizar o projeto”, disse Marta Zanella.

“Sabemos das angustias de vocês e estamos tentando solucionar todas as questões, buscando parcerias para que o carnaval aconteça”, complementou a secretária adjunta de Cultura, Esporte e Lazer, Márcia Teston.

Os presidentes das oito escolas, que entregaram o projeto de carnaval à Prefeitura, também tiveram a oportunidade de falar e colocar suas dúvidas acerca da realização do evento. Todos, tanto Executivo quanto escolas de samba, acrescentaram a importância de se unirem para que, em 2018, as agremiações possam desfilar.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo