PARQUÍMETROS. Comissão especial vai a Porto Alegre e Caxias para avaliar atuação da Rek Parking

PARQUÍMETROS. Comissão especial vai a Porto Alegre e Caxias para avaliar atuação da Rek Parking - Parquímetros-Oitivas-1024x682

Em 27 de setembro, Comissão Especial realizou oitivas com fiscais de trânsito da Prefeitura. Foto Maiquel Rosauro

Por Maiquel Rosauro

A Comissão Especial que analisa o estacionamento rotativo (parquímetro) em Santa Maria está na reta final dos trabalhos. A investigação teve início em junho e, até o momento, não encontrou irregularidades no trabalho desenvolvido pela Rek Parking, que administra a Zona Azul no município. Contudo, os parlamentares ainda não estão seguros quanto a forma como são aplicadas as multas aos motoristas.

“Temos dúvidas sobre a existências de uma fiscalização efetiva por parte da Secretaria de Mobilidade Urbana sobre as notificações colocadas nos carros. Não está claro se elas são endossadas ou se o fiscal da Prefeitura passa e verifica a notificação”, explica a presidente da comissão, vereadora Deili Silva (PTB).

Além de Deili, a comissão também é formada por Lorena Santos (PSDB), vice-presidente, e Jorge Trindade – Jorjão (Rede), relator. Em 27 de setembro, o trio realizou oitivas com os servidores municipais Silvio Sousa, Regis Moreira e Denilson Righi, quando foi detalhada a execução dos serviços.

Na ocasião, os parlamentares estranharam o fato de que apenas três agentes de trânsito da Prefeitura são responsáveis por percorrer as ruas e autuar os veículos que receberam notificações de fiscais da Rek Parking. No total, são cerca de 1,3 mil vagas de estacionamento rotativo da Zona Azul.

Sai Lorena, entra Mortari
Devido a problemas de saúde, a vereadora Lorena não acompanhará Deili e Jorjão na viagem. Ela será substituída por Marion Mortari (PSD), que faz parte da Comissão Permanente de Políticas Públicas.

O trio parte de Santa Maria na manhã desta quarta (18) e terá a primeira agenda com o promotor de justiça Reginaldo Freitas da Silva, em Porto Alegre, o qual coordena o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público Estadual (MP/RS). Ele foi o responsável pela operação que desarticulou, em abril, um esquema fraudulento que desviava dinheiro de parquímetros em Caxias do Sul.

Também na Capital, os vereadores vão dialogar com o presidente do Legislativo, Cássio Trogildo (PTB), sobre as ações realizadas pela Câmara de Vereadores de Porto Alegre em relação ao estacionamento rotativo.

Na quinta (19), em Caxias do Sul, os santa-marienses têm agenda marcada com o prefeito Daniel Guerra (PRB); com o procurador geral do Município, Leonardo de Souza; com o secretário de Trânsito, Cristiano Soares; e com o gerente de Estacionamento, Rodrigo Tolvez. A última agenda será no Legislativo caxiense.

O passo seguinte será a redação do relatório final da investigação. A previsão é de que os trabalhos sejam concluídos em novembro, com apresentação de apontamentos para tornar mais transparente a aplicação de multas aos motoristas que receberam notificações por estacionar de forma irregular (ultrapassar o tempo pelo qual pagou ou estar sem o tíquete, por exemplo).



1 comentário

  1. O Brando

    Turismo legislativo. Será gasto dinheiro para virar um chumaço de papel com sugestões, porque a matéria tem tudo a ver com o executivo. Padrão por aí é o prefeito aceitar um ou dois palpites para não comprar briga e para não ficar feio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *