Câmara de VereadoresSanta Maria

CIDADE. Vereadores, em Porto Alegre, reivindicam unidade local do “Tudo Fácil”, do Governo do Estado

Tudo Fácil concentra em único local diversos serviços – inclusive fazer Carteira de Identidade, um suplício para os santa-marienses, hoje

Por MAIQUEL ROSAURO (com foto de Eduardo Seidl/Palácio Piratini/Divulgação), da Equipe do Site

A primeira-dama e secretária de Desenvolvimento Social, Trabalho, Justiça e Direitos Humanos, Maria Helena Sartori, deverá receber a visita de três vereadores santa-marienses nesta terça-feira (30): Alexandre Vargas (PRB), Adelar Vargas – Bolinha (PMDB) e Marion Mortari (PSD). O objetivo: reivindicar a instalação de uma unidade do Tudo Fácil no município.

O Tudo Fácil concentra em um único local os serviços mais demandados pelo cidadão, como confecção de Carteira de Identidade, Carteira de Trabalho e CPF, acesso a 2ª via de conta da Corsan, informações sobre infrações de trânsitos e muito mais. Apenas em Porto Alegre há três unidades.

“Também queremos incluir o registro de Polícia do Idoso junto com o Tudo Fácil”, comenta Bolinha.

Hoje, fazer uma Carteira de Identidade em Santa Maria é um verdadeiro martírio. O processo é feito no Posto Médico-Legal, na Rua Floriano Peixoto, 1.750, abaixo das capelas do Caridade. Para entender melhor as dificuldades para fazer o documento, CLIQUE AQUI.

Além de visitar a primeira-dama, os edis santa-marienses têm encontro marcado com o secretário estadual de Segurança, Cezar Schirmer (PMDB), com o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Cesar Santolim, e com o secretário estadual de Obras, Fabiano Pereira (PSB).

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo