Destaque

ELEIÇÕES 2018. Ex-ministro Miguel Rossetto anuncia que Lula estará em Santa Maria no final de fevereiro

Miguel Rossetto garantiu que, independente do que ocorrer no dia 24, Lula será candidato a presidente. Foto Maiquel Rosauro

Por Maiquel Rosauro

O Partido do Trabalhadores (PT), o Partido Comunista do Brasil (PCdoB) e a Frente Brasil Popular promoveram, no final da manhã de sábado (13), o lançamento do Comitê Popular em Defesa da Democracia e do Direito de Lula ser candidato. O ato ocorreu na Praça Saldanha Marinho e reuniu cerca de 40 pessoas, entre militantes e sindicalistas.

Lideranças petistas, como o ex-ministro e pré-candidato a governador do Estado, Miguel Rossetto, e o deputado federal Paulo Pimenta, estiveram presentes. O parlamentar incentivou os militantes a participarem dos atos que irão ocorrer em Porto Alegre, nos dias 23 e 24 de janeiro, a favor do ex-presidente da República.

“Temos a obrigação de estar lá ao lado do Lula neste momento histórico, levando nossa voz, nossa força e nossa luta para dizer não a esse golpe e sim à democracia, sim ao futuro do país”, bradou Pimenta.

O juiz Sérgio Moro condenou Lula a 9 anos e 6 meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex. No dia 24, a apelação criminal de Lula será julgada pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre. A partir das 8h30min, três juízes da 8ª Turma do TRF4 irão analisar o recurso do tríplex.

Rossetto garante que, independente do que ocorrer no dia 24, Lula será candidato à presidência do país.

“Três desembargadores irão manifestar sua opinião, mas essa opinião não encerra a disputa jurídica e política neste país. A disputa irá para agosto de 2018, pois em qualquer condição, seja qual for a decisão dos três desembargadores, Lula será inscrito como candidato a presidente pelo povo brasileiro”, afirmou Rossetto.

O ex-ministro também informou que Lula estará em Santa Maria no próximo mês.

À tarde, comitê a favor de Lula foi lançado na Vila Schirmer. Foto Divulgação

“Nós queremos que a primeira caravana popular do presidente Lula, depois do dia 24, seja aqui no Rio Grande, a partir de 26 de fevereiro. Estaremos juntos aqui em Santa Maria com Lula no final de fevereiro. Estaremos aqui reconstruindo o Brasil que nós queremos”, garantiu o pré-candidato ao Piratini.

No sábado à tarde, ocorreu o lançamento de um comitê a favor de Lula na Vila Schirmer. Ao final do dia, os militantes voltaram à Praça Saldanha Marinho para um ato político-cultural.

Líder da bancada petista divulgada nota
O vereador Daniel Diniz (PT), líder da bancada petista na Câmara de Vereadores, divulgou uma nota em apoio a Lula, chamando atenção para as eleições que irão ocorrer em outubro. Confira:

Líder da bancada defende inocência de Lula “contra ele não existem provas”
Estamos chegando num momento difícil da nossa democracia e precisamos redobrar nossos esforços na defesa da inocência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e cobrarmos imparcialidade da justiça no julgamento em segunda instância do dia 24 de janeiro.

Existe uma tentativa clara e planejada de tirar Lula das eleições presidenciais de 2018 e precisamos mobilizar “a força do povo”, para defender a democracia e contra ele Lula não existem provas.

Nossa militância do PT, juntamente com todos os movimentos sociais de esquerda estão imbuídos em defender a candidatura de Lula para a presidência. “Não vamos desistir de ter Lula como candidato”, é um anseio dos movimentos e grupos excluídos por esse governo golpista de Michel Temer.

Acredito que a disputa deve ser resolvida de forma democrática com o povo votando nas eleições deste ano. Os golpistas derrubaram Dilma – uma presidenta eleita pelo voto direto. Colocaram um governo traidor sem voto no poder. E deu no que deu, retirando os direitos dos trabalhadores e trabalhadoras.

Estarei junto nas caravanas em direção à Porto Alegre nos dias 23 e 24 de janeiro, para acompanhar o julgamento do recurso de Lula ao TRF-4 no processo do tríplex do Guarujá.

É hora de mobilizar a sociedade, de denunciar e combater a fraude jurídica e o golpe político.

Precisamos ir às ruas e defender Lula como candidato a presidente, isso significa derrotar os inimigos da democracia devolvendo os direitos do povo trabalhador do nosso Brasil.

Santa Maria, 13 de janeiro de 2018
Vereador Daniel Diniz – líder da bancada do PT/SM

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

4 Comentários

  1. Entendo que os Comitês venham para ficar pois até então nossas ferramentas de luta eram insuficientes. Só o povo organizado pode fazer frente ao golpe em curso…. pena que não temos palavras de ordem como “Volta Dilma” o que seria correto.

  2. Em Dilermando de Aguiar também estamos junto da defesa da democracia contra os golpistas do MDB e com Lula, Rosetto e Paim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo