IMPRENSA. Operadores da Rádio Guarathan realizam paralisação de 24 horas e programação sai do ar

IMPRENSA. Operadores da Rádio Guarathan realizam paralisação de 24 horas e programação sai do ar - Rádio-Guarathan

Na sede da rádio, funcionários fixaram faixas demonstrando o descontentamento com a situação. Foto Divulgação

Por Maiquel Rosauro

A Rádio Guarathan (AM 860) saiu do ar nesse domingo (11) devido a uma paralisação de 24 horas de seus operadores. No Facebook, os trabalhadores reclamaram de falta de quitação da segunda parcela do 13º salário de 2017, FGTS, férias e pagamentos atrasados.

Conforme o funcionário da rádio há quase 30 anos e diretor do Sindicato dos Radialistas, Jorge Conceição Niederauer Nascimento, a paralisação ocorreu por uma questão estratégica, já que a programação de domingo foi vendida para igrejas evangélicas.

“Nunca os funcionários foram chamados para qualquer tipo de conversação”, afirma.

Nascimento também aponta que, segundo o portal da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, a Guarathan possui uma dívida de quase R$ 1,7 milhão.

“Esperamos uma reunião com a direção. Se não houver, será greve mesmo, com piquete dos trabalhadores”, projeta Nascimento.

No Facebook, os funcionários publicaram fotos com cartazes indicando a paralisação e relatando os atrasos nos pagamentos.

Outro lado
O site tentou entrar em contato, nesse domingo, com o diretor presidente da Guarathan, Luiz Carlos Cozer, mas foi informado por funcionários de que o mesmo não possui telefone celular. Em seu perfil no Facebook, Cozer não respondeu as mensagens do site.

Tradição
A Guarathan é uma das principais rádios de Santa Maria, tendo sido fundada em 23 de abril de 1960. Hoje, conta com 17 funcionários.

A rádio é segmentada em jornalismo e está localizada no 3º andar da Galeria do Comércio, no Calçadão. Além de conteúdo próprio, retransmite parte da programação da Rádio Guaíba.

A emissora, segundo os funcionários, ainda não se habilitou a migrar do AM para o FM (o processo, em Santa Maria, custaria cerca de R$ 88 mil).



4 comentários

  1. Jorge Conceição Niederauer Nascimento

    Os operadores da Rádio Guarathan estão mais preocupados com a falta de pagamento de seus salários, de que de erros gramaticais postados nos cartazes, na próxima vez, vamos contratar um professor de gramatica , é logico se tivermos dinheiro para pagar.

  2. O Brando

    Anunciantes vão pensar duas vezes antes de comprarem espaço para anuncio na rádio. Impressão é que está quebrando.
    Problema de ortografia se resolve com dicionário.

  3. Democrata Filho

    Preocupação justa com a questão salarial. Todavia, isso não justifica erro gramatical. Mais humildade prezados trabalhadores da imprensa. Quem trabalha com a comunicação não deveria precisar contratar professor para saber o básico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *