AUDIÊNCIA. Bafafá do PMDB foi a nota política mais lida. Mas tragédia e perda tiveram um grande espaço

AUDIÊNCIA. Bafafá do PMDB foi a nota política mais lida. Mas tragédia e perda tiveram um grande espaço - audiência

Uma das várias notas publicadas (esta na manhã dominical) sobre a tragédia do sábado retrasado acabou campeã de audiência

Se a aferição semanal fosse concluída neste domingo, é bastante possível que o forrobodó peemedebista da noite de sexta chegasse em primeiríssimo lugar no “ibope” do www.claudemirpereira.com.br, medido pela auditoria independente do Google Analytics. É, porém, só a segunda nota mais acessada do site nos últimos sete dias em que uma tragédia, ainda no sábado da semana anterior, mas com reflexo nessa, tomou conta do noticiário.

Isso sem falar na perda, para a comunicação social, da professora Luciana Mielniczik, a “Luti”, que também chamou a atenção de um grande número de leitores. No mais, bem, no mais há a denúncia de um vereador e a repercussão da ida (as custas próprias, diga-se) de uma comitiva de autoridades santa-marienses ao carnaval de Uruguaiana.

Enfim, para conferir (e quem sabe reler) o quinteto campeão de audiência dos últimos sete dias, basta acompanhar abaixo:

1ª –(IN)SEGURANÇA. Morre no HUSM o autor do duplo homicídio do sábado, no centro. Ele matou pai e filho”, publicada na manhã de domingo, dia 4 (AQUI)

2ª –PARTIDOS. Reunião do Diretório do PMDB acaba aos gritos. Magali e Tubias têm discussão bem acalorada”, publicada na madrugada deste sábado, dia 10 (AQUI)

3ª –MEMÓRIA. A morte da professora Luciana Mielniczuk, a ‘Luti’, comove a área de comunicação social no RS”, publicada na tarde de quarta-feira, dia 7 (AQUI)

PREFEITURA. Comitiva visita Carnaval de Uruguaiana e gera atrito com Associação de Samba de Santa Maria”, publicada na madrugada de terça-feira, dia 6 (AQUI)

DENÚNCIA. Vereador descobre que pavilhão usado pela Prefeitura Municipal se tornou depósito de lixo”, publicada na madrugada de sexta-feira, dia 9 (AQUI)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *