EducaçãoPolíticaUFSM

EDUCAÇÃO. Curso de extensão sobre ‘golpe de 2016’ já tem uma data confirmada para começar, na UFSM

Reunião organizativa do curso sobre “golpe de 2016: serão 50 vagas disponíveis, destinadas aos públicos interno e externo à UFSM

Por JÚLIA MAIA (com foto de Marília Budó), da Assessoria de Imprensa da Sedufsm

Será ofertado na UFSM, durante o primeiro semestre deste ano, um curso de extensão que debaterá o “Golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil”. Os encontros que correspondem ao primeiro módulo do curso acontecerão aos sábados, e terão início no dia 5 de maio, prosseguindo até 7 de julho. Através de mesas de discussão, este primeiro módulo do curso contará com 50 vagas, inicialmente, que serão destinadas tanto à comunidade interna da Universidade, quanto à externa.

Os professores e professoras que se dedicaram à criação do curso reuniram-se desde o início de março, e pretendem uma abordagem interdisciplinar para o tema. Outras universidades federais no Brasil, como a UFRGS, também ofertaram a disciplina neste primeiro semestre de 2018. O objetivo é trazer o debate sobre democracia e a conjuntura política no país, a partir do processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, em 2016.

De acordo com a professora Marília Budó, do departamento de Direito da UFSM, pretende-se realizar um segundo módulo do curso ainda este ano. A estrutura se daria a partir das discussões feitas no primeiro módulo, e também de propostas dos demais docentes da Universidade interessados no curso.

Justiça nega a suspensão de curso na UFBA

No dia 28 de março, a Justiça Federal da Bahia indeferiu o pedido de liminar do vereador Salvador Alexandre Aleluia (DEM), que pedia a suspensão da disciplina optativa “Golpe de 2016” na Universidade Federal da Bahia. O pedido foi negado pelo juiz Iran Esmeraldo Leite, que afirmou que sua realização é legítima e que “a discussão ampla e plural de ideias sobre momentos históricos importantes para o país é inerente ao meio acadêmico, e encontra na Universidade lugar ideal”.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo