EducaçãoPrefeituraTrabalho

EDUCAÇÃO. Negociações ‘congeladas’ para tratar de reajuste com a Prefeitura. Sindicato reúne Conselho

Docentes municipais protestam pela falta de negociação e atraso no reajuste. Nesta segunda, reunião do Conselho de Representantes

Por PAULO ANDRÉ DUTRA (texto e foto/Arquivo), da Assessoria de Imprensa do Sinprosm

A coordenação do Sinprosm está convocando a primeira reunião do Conselho de Representantes da atual gestão. Será no dia 28 de maio, segunda-feira, às 18 horas, na sede do sindicato (Rua André Marques, 418).

O Conselho de Representantes é um órgão consultivo, previsto em estatuto, que visa democratizar as atividades e ampliar a participação da categoria dentro dos locais de trabalho. O grupo de professores de cada escola deve indicar um representante, eleito por voto direto ou consenso, para ser um elo entre a entidade sindical e os colegas.

A motivação deste encontro é o congelamento das conversações com a administração municipal. Desde fevereiro o Sinprosm reivindica a abertura de negociações sobre revisão salarial. Uma reunião foi realizada no início de abril, quando o prefeito Jorge Pozzobom (PSDB) protelou para maio a definição do índice de reajuste.

A outra reivindicação da categoria, a carga horária para atividades extraclasse, teve uma reunião posterior convocada pela Secretaria de Educação, conforme determinação do prefeito na reunião de abril. Porém, o pacto da secretária de educação da formação imediata de um grupo de trabalho não se confirmou. O Sinprosm enviou ofício em 22 de maio solicitando a definição, ainda sem resposta.

“A falta de compromisso da administração com a categoria se confirma a cada contato ignorado. Estamos cobrando as promessas e prazos definidos pela própria equipe do prefeito. Queremos ouvir a posição dos representantes para que tomemos novas medidas nos próximos dias”, afirma Celma Pietczak, coordenadora de Comunicação e Formação Sindical.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo