MEMÓRIA. Carnaval santa-mariense chora pela perda de Vera Marques da Silva, ex-presidente da Vila Brasil

MEMÓRIA. Carnaval santa-mariense chora pela perda de Vera Marques da Silva, ex-presidente da Vila Brasil

MEMÓRIA. Carnaval santa-mariense chora pela perda de Vera Marques da Silva, ex-presidente da Vila Brasil - vera-marquesAos 60 anos, esposa do Sergio (Serjão) da Silva, policial federal aposentado e desportista e mãe de Cassiana, Mateus, Leonardo e Sérgio, e sobretudo a grande foliã, ex-presidente da Escola de Samba Vila Brasil, pela qual era simplesmente apaixonada, morreu no final da manhã, após complicações decorrentes em uma cirurgia após uma infecção, Vera Lúcia Marques da Silva.

Vera, que deixou consternados sua família e amigos, aliás em grande quantidade, também atuava em vários projetos sociais visando as camadas menos favorecidas da comunidade – inclusive a partir de presença como presidente da Vila Brasil durante seis anos, no início dos anos 2.000. Como mostra texto publicado na versão online do Diário de Santa Maria (AQUI ), ela idealizou o projeto “Vila Brasil do Futuro”, que oferecia oficinas de percussão, samba e mestre sala e porta bandeira.

O velório de Vera Lucia já começou, na capela 4, contígua ao Hospital de Caridade Dr Astrogildo de Azevedo, na rua Floriano Peixoto. O sepultamento se dará amanhã, às 11, no Cemitério Ecumênico.

Abaixo, você confere as manifestações, no Facebook, do marido Sérgio e da Vila Brasil.

Sergio Silva

“Vera, minha esposa, minha parceira, minha guerreira nos deixou. Deixou um legado aqui nesse plano, um legado de alegrias, de amizades e de caridade para com os necessitados. Nos resta prestarmos as últimas homenagens…” (no original, AQUI)

Vila Brasil

“Quando alguém que queremos bem nos deixa, lamentamos, sofremos, muitas vezes perguntamos por quê? E sentimos eterna saudade. Quando alguém que deixa sua marca, suas realizações representa algo que é caro para nós, sentimos, sofremos, não entendemos, sentimos saudade eterna, perguntamos por que e quem preencherá esse vazio? A resposta é simples, ninguém preencherá a saudade será grande, mas nossas referencias e nossas lembranças de suas lutas e realizações estarão sempre presentes em cada um de nós e em nosso seguimento. Vera Lúcia Marques será lembrada e reverenciada no nosso meio, jamais será preenchido seu lugar, fará parte da história de sua entidade Vila Brasil e de todos os que amam o Carnaval. Alegrias e conquistas, superação das dificuldades lhe fizeram inesquecível, dedicada as causas sociais deixou sua marca. Nossos sentimentos por tão precoce partida, que Deus abençoe e console a todos os familiares, na certeza que nos reencontraremos. “ (AQUI, no original)



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *