BASTIDORES. Viagens dos edis, por que Tiago Aires deixou a presidência do PC do B, novo partido vem aí

BASTIDORES. Viagens dos edis, por que Tiago Aires deixou a presidência do PC do B, novo partido vem aí

Por MAIQUEL ROSAURO (com foto de Divulgação), da Equipe do Site

O Legislativo santa-mariense terá uma agenda cheia nesta quinta-feira (21), com expediente nobre homenageando o Colégio Militar e defesa de três moções de congratulações. Mas, nos bastidores, tem parlamentar indignado com três pedidos de autorização de viagens que estão na pauta da sessão. Este site, inclusive, recebeu questionamentos sobre os custos e o retorno das empreitadas.

Luciano Guerra (PT) solicitou uma autorização de viagem a Brasília, entre os dias 10 e 14 de abril. Na pauta estão visitas ao senador Paulo Paim (PT) e aos deputados petistas Paulo Pimenta, Maria do Rosário, Henrique Fontana e Bohn Gass, além de uma reunião de trabalho com técnicos sobre a Reforma da Previdência. Guerra abriu mão das diárias nos dias 13 e 14 de abril. Desta forma, deverá gastar por volta de duas diárias em meia, o que corresponde a R$ 1.335,00.

Os vereadores que formam a comissão especial que fiscaliza a Coordenadoria Municipal de Trânsito e Mobilidade Urbana (CTMU) – Deili Silva (PTB), Daniel Diniz (PT) e Juliano Soares – Juba (PSDB) – solicitam uma viagem a Pelotas nos dias 27 e 28 de março, a fim de conhecer a gestão de trânsito naquele município. A viagem, em carro oficial, deverá gerar um custo aproximado de R$ 1.978,35 em diárias (projetando que cada vereador e o motorista utilizem uma diária e meia).

Jorge Trindade – Jorjão (REDE), Adelar Vargas – Bolinha (MDB), Alexandre Vargas (PRB) e Vanderlei Araujo (PP) pretendem viajar a Porto Alegre, entre os dias 24 e 26 de março, para uma agenda que incluiu reuniões sobre o IPE Saúde e segurança pública. Apenas em diárias, a viagem com carro oficial terá um custo em torno de R$ 4.500,50 (considerando o uso de duas diárias e meia para cada edil mais motorista).

Para conferir a tabela de diárias de servidores e vereadores, clique AQUI.

BASTIDORES. Viagens dos edis, por que Tiago Aires deixou a presidência do PC do B, novo partido vem aí - maiquel-bastidores-tiago

Tiago Aires (à direita) deixou a presidência do PCdoB de Santa Maria para se dedicar ao curso de Direito. Mas garante que voltará

“Só vou deixar de militar quando morrer”

Tiago Aires pegou muita gente de surpresa, na noite de terça-feira (19), quando comunicou ao Diretório do PCdoB/SM seu afastamento do partido. Aires, que era o presidente da sigla, confirmou ao site, nesta quarta (20), que saiu da legenda com a intenção de se dedicar ao curso de Direito. Ele deve se formar no final do ano.

Porém, o afastamento da política deve ser breve. Aires segue com um discurso afiado com os ideais da esquerda e acredita que poderá dar uma contribuição maior para a comunidade santa-mariense como advogado.

“Só vou deixar de militar quando morrer. O momento é muito difícil para o país, um governo Federal que ataca nossos direitos, comandado por um despreparado e entreguista. Um governo estadual que representa a continuidade do governo Sartori, parcelando salários e desmontando o serviço público, vendendo estatais sem ouvir o povo gaúcho. E aqui em Santa Maria, uma cidade abandonada por um governo medíocre, com a saúde precária, um Hospital Regional que não abriu um único leito, um Restaurante Popular há mais de 1.100 dias fechado, as ruas esburacadas, mudanças desastradas no trânsito, empresários do Transporte Coletivo que enriqueceram com uma tarifa superestimada e agora propõem acabar com 350 empregos diretos, são alguns problemas que nos dão uma dimensão do quanto é preciso lutar para resistirmos a esse momento”, disse Aires.

Mudanças no PCdoB

No momento, quem responde pelo PCdoB/SM é o vice-presidente Alidio da Luz. Porém, ele comenta que o partido terá mudanças ao final deste mês.

“A prioridade, nesse momento, é a mobilização para o ato de sexta (22) contra a Reforma da Previdência. Sou o vice-presidente, mas a decisão da reorganização da Executiva deve ser tomada com o conjunto do Diretório no começo da semana que vem”, projeta Luz.

BASTIDORES. Viagens dos edis, por que Tiago Aires deixou a presidência do PC do B, novo partido vem aí - maiquel-bastidores-cidadaniaVem aí o Cidadania

O Partido Popular Socialista (PPS) vai mudar de nome no sábado (23). Nesta data, a Executiva Nacional da sigla realiza um congresso extraordinário, em Brasília, onde será formalizado o novo nome da legenda: Cidadania.

O atual nome da sigla vinha sendo mantido desde 1992, quando trocou a nomenclatura de PCB para PPS.

Em Santa Maria, o PPS/Cidadania é dirigido por Arthur Heinz, o qual calcula que a legenda tenha cerca de 1,2 mil filiados no município.



2 comentários

  1. O Brando

    Por que um vereador vai gastar dinheiro do município para viajar para BSB e tratar de uma assunto sobre o qual não possui ingerência nenhuma? Vai tratar de assuntos partidários, óbvio.
    Passeio a Pelotas não se justifica tampouco. É outro município, com acesso a outros recursos. Mais um passeio para comprar doces.
    IPE é previdência do estado. Segurança pública é assunto estadual, não municipal.
    Resumo: dinheiro público indo para o ralo.

  2. Zé Ruas

    “Só vou deixar de militar quando morrer.” Dizia a vovó ao lado do marido, Coronle aposentado que gostava de sair todas as noites.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *