R$ 44 MILHÕES. Prefeitura investirá em drenagem e recuperação do asfalto. Nesta terça, o fim da licitação

R$ 44 MILHÕES. Prefeitura investirá em drenagem e recuperação do asfalto. Nesta terça, o fim da licitação

R$ 44 MILHÕES. Prefeitura investirá em drenagem e recuperação do asfalto. Nesta terça, o fim da licitação - prefeitura-obras

Obra em desenvolvimento há duas semanas, na rua Riachuelo, bem no centro da cidade, tem recursos já utilizados pela Prefeitura 

Por JOÃO PEDRO LAMAS (texto) e JOÃO VILNEI (foto), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

A Prefeitura de Santa Maria, por meio da Secretaria de Finanças, deu mais um passo para resolver problemas crônicos em infraestrutura que a cidade enfrenta: alagamentos e buracos nas ruas e avenidas. O investimento total orçado pela gestão do prefeito Jorge Pozzobom para os serviços é de R$ 44,1 milhões.

No dia 26 de agosto, foram abertos os envelopes com as documentações das empresas interessadas em realizar serviços de pavimentação asfáltica, recomposição do pavimento, microdrenagem e macrodrenagem pluviais em ruas e avenidas de Santa Maria. A abertura dá início à fase de habilitação do processo licitatório. O Executivo municipal avaliou os documentos para checar se as empresas atendem aos pré-requisitos previstos no edital. Nesta terça-feira (10), às 10h, haverá a abertura dos envelopes com as propostas financeiras das empresas.

As empresas são: Conpasul Construção e Serviços Ltda (interessada no lote 1), Della Pasqua Engenharia e Construções Ltda (interessada no lote 2), Cotrel Terraplanagem e Pavimentações (interessada no lote 3), Brita Pinhal Indústria e Comércio Ltda (interessada no lote 4) e FZ Construções, Comércio e Transportes (interessada nos lotes 1 e 5).

De acordo com o secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Francisco Severo, o montante foi dividido em cinco lotes, cada um deles dedicado, em sua maior parte, à resolução de um tipo de problema específico.

O lote 1, com R$ 7,1 milhões, vai mirar a recuperação da pavimentação asfáltica; o lote 2, de R$ 6,8 milhões, pavimentações de blocos de concreto; o 3, também de R$ 6,8 milhões, pavimentos com pedra; o lote 4, com R$ 11,4 milhões, microdrenagem; e o 5, de R$ 12 milhões, para macrodrenagem.

“Enfatizo que o montante maior de recursos de cada um desses lotes será usado para fins específicos. Mas, todos eles vão abranger recuperações de vias em geral”, explica o secretário Severo.

O secretário conta que não é possível dizer, ainda, quais serão as vias da cidade que receberão obras. No entanto, afirma que o Executivo municipal elencou 64 vias que devem ter o asfalto recuperado e 14 pontos de alagamento que devem ver o problema ser resolvido.

O Executivo municipal já investiu cerca de R$ 6 milhões, desde o começo deste ano, com a recuperação das principais avenidas e ruas da cidade.

PARA LER A ÍNTEGRA, NO ORIGINAL, CLIQUE AQUI.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *