SAÚDE. Prefeitura de Santa Maria inaugura primeiro ambulatório para público trans do interior do Estado

SAÚDE. Prefeitura de Santa Maria inaugura primeiro ambulatório para público trans do interior do Estado

SAÚDE. Prefeitura de Santa Maria inaugura primeiro ambulatório para público trans do interior do Estado - inauguração-sm-interior-trans

Atendimentos na Policlínica do Rosário começam na segunda-feira (13), de forma gratuita. Foto Ariéli Ziegler / Prefeitura

Por Manuela Vasconcellos / Prefeitura de Santa Maria

Os atendimentos de saúde no primeiro ambulatório do interior do Estado para homens e mulheres trans e travestis começam nesta segunda-feira (13). A Prefeitura de Santa Maria inaugurou o espaço Transcender no fim da manhã de sexta (10) com a presença do prefeito em exercício Sergio Cechin e do secretário de Saúde, Francisco Harrisson. O ambulatório funciona na Policlínica do Rosário (Rua Serafim Valandro, 400). Os atendimentos, todos via SUS, ocorrerão quinzenalmente, às segundas-feiras, ou conforme a demanda. Os pacientes terão acesso a profissionais das especialidades de urologia, ginecologia, psicologia e fonoaudiologia, além de encaminhamento para ambulatório de endocrinologia da Casa de Saúde por meio do sistema de regulação.

“Trata-se de uma importante e inovadora política pública que garante atendimento digno para todas as pessoas. O respeito é uma das premissas da nossa Administração, que ansiava pela efetivação deste ambulatório. Santa Maria está dando um passo importante na questão do acolhimento ao público LGBTQI+”, declarou o prefeito em exercício, Sergio Cechin, cumprimentando a equipe médica que estava presente na inauguração.

Além da inserção da população transgênera e de travestis na rede pública de saúde por meio de especialidades, o espaço Transcender tem por objetivo contribuir para a construção de possibilidades mais apropriadas para a superação do preconceito.

“Esperamos promover a saúde e o bem-estar de todos, evitando a automedicação. O ambulatório para tratar a sexualidade é uma iniciativa de respeito ao ser humano e apenas um começo de um trabalho que ainda irá se fortalecer muito”, reforçou o secretário de Saúde, Francisco Harrisson.

O projeto de instalação do ambulatório foi uma proposição da ONG Igualdade e de demais entidades que representam o público LGBTQI+. Uma das representantes das entidades, Marquita Quevedo, destacou, durante a inauguração, que o Transcender será apenas uma porta de entrada para os tratamentos dignos que a população tem direito.

Os agendamentos com os especialistas devem ser feitos na própria Policlínica do Rosário, de segunda a sexta-feira, das 7h30min às 15h30min. Os pacientes devem portar identificação com foto e cartão SUS. Primeiramente, serão disponibilizados 10 atendimentos, sendo dois de urgência, a cada 15 dias. Os números devem aumentar conforme a demanda.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *