CIDADE. Prefeitura não precisará mais devolver troco e SM terá creche que deveria estar pronta há 10 anos

CIDADE. Prefeitura não precisará mais devolver troco e SM terá creche que deveria estar pronta há 10 anos

Por MAURÍCIO ARAUJO (com foto de Divulgação), da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

CIDADE. Prefeitura não precisará mais devolver troco e SM terá creche que deveria estar pronta há 10 anos - prefeitura-escola

Jorge Pozzobom com Medeiros Villar: mais prazo obtido e escola infantil garantida

Com absoluto respeito ao dinheiro público, o prefeito Jorge Pozzobom conseguiu, na tarde desta quinta-feira (6), concessão de mais prazo junto ao Ministério da Educação para a construção de uma escola de Educação Infantil no Bairro Diácono João Luiz Pozzobon, Região Centro-Leste de Santa Maria. Com isso, a Prefeitura não precisa devolver à União os cerca de R$ 1 milhão já depositados para a construção da instituição de ensino. Os recursos são do Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Após a inauguração da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Ivanise Jann de Jesus, no Bairro Pinheiro Machado, da conclusão da EMEI Glaci Corrêa da Silva, no Bairro Cipriano da Rocha – que deve ser inaugurada até o dia 19 de fevereiro –, e do processo de licitação da EMEI Monte Bello, em Camobi, chegou a vez de dar andamento ao processo de construção de mais uma instituição de ensino.

“O que fazemos é respeitar o dinheiro público. Conseguimos mais prazo e, assim, garantimos o dinheiro para construir a creche do Bairro Diácono João Luiz Pozzobon, que era para estar pronta há mais de 10 anos”, disse o prefeito Pozzobom.

Destaca-se que essa escola já deveria estar pronta há mais de uma década, porém, devido aos revezes burocráticos e entraves, ela não saiu do papel até agora. A partir da iniciativa do prefeito na Capital Federal, a Prefeitura poderá dar encaminhamento ao processo de licitação.

Em Brasília, o chefe do Executivo estava acompanhado do coordenador do Gabinete de Governança, Alexandre Lima. Ambos se reuniram e definiram a concessão de mais prazo com o diretor de Gestão, Articulação e Projetos Educacionais do Ministério da Educação, Gabriel Medeiros Vilar.

PARA LER A ÍNTEGRA, CLIQUE AQUI.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *