EstadoSaúde

COVID-19. Ministro interino da Saúde afirma que a pandemia, aqui no Sul, não acaba antes de setembro

Eduardo Pazzuelo, interino da Saúde, disse ao deputado bolsonarista Bibo Nunes que a pandemia no Sul  está em um platô, subindo

Por MAIQUEL ROSAURO (com foto de Reprodução), da Equipe do Site

Os gaúchos vão seguir convivendo com restrições contra a disseminação da pandemia de covid-19, pelo menos, até setembro. A observação foi feita pelo ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, em vídeo divulgado pelo deputado federal Bibo Nunes (PSL).

Bibo questionou Pazzuello sobre a expectativa quanto ao fim da pandemia. O general sinalizou que no Nordeste, Amazônia, São Paulo e Rio de Janeiro a doença está desacelerando e que, dentro de um mês, a situação estará em uma posição mais clara.

No Centro-Oeste e no Sul, Pazuello ressaltou que as regiões estão em um platô, subindo.

“No Sul, uns dois meses para definir a manobra, para poder observar a curva, que deverá estar em descendente com certeza”, afirma.

Confira no vídeo:

 

No Brasil, conforme o Ministério da Saúde (AQUI), foram confirmados 81.487 mortes com covid-19, sendo 1.367 nas últimas 24 horas. Há mais de 2 milhões de casos confirmados da doença no país e 1,4 milhão de curados.

No Rio Grande do Sul, 64 mortes foram registradas na terça-feira (21) (AQUI). No total, o Estado já registrou 1.349 óbitos e confirmou 49.840 infectados (42.799 já estão recuperados).

Santa Maria registra 966 casos do novo coronavírus, sendo que 695 estão curados. Na terça, foram confirmadas mais duas mortes, elevando o total de óbitos para 23 no município (AQUI).

Na cidade, 58 dos 94 leitos de UTI Adulto estão ocupados, o que representa uma taxa de ocupação de 61,7% (AQUI). A região, no mapa do Programa de Distanciamento Controlado, possui 75 dos seus 114 leitos ocupados (taxa de 65,8%).

 

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo