Destaque

PARTIDOS. Ex-vereador Vanderlei Araujo deixa o PP. Com ele, outros quatro integrantes do Diretório

Até março, grupo decide para onde vai: DEM é o mais provável destino. Mas...

Vanderlei Araújo e os demais militantes que deixam o Progressistas ainda não fecharam o seu destino partidário. Foto Divulgação

Por Claudemir Pereira

Na manhã desta terça-feira (12), o secretário geral do Progressistas, André Ribeiro, recebeu oficialmente os requerimentos de desfiliação. Assim, estão fora do partido, o ex-vereador Vanderlei Araújo, o vogal da Executiva Gilsione Cáurio e mais três militantes, como a dupla, integrantes do Diretório Municipal da agremiação: Cristina Santana, Jaqueline Oliveira e Sônia Oliveira.

Há informações, ainda não confirmadas, de que outros antigos (ou nem tanto) integrantes do Diretório do PP estariam avaliando a possibilidade de saída. As razões alegadas ao Site para a decisão dos cinco e, talvez, de outros mais, são “discordâncias com os rumos do partido e as alianças realizadas no pleito de 2020”, quando o PP apresentou a candidatura (derrotada no segundo turno) de Sérgio Cechin a prefeito, coadjuvado por Francisco Harrisson (MDB).

Nenhum dos militantes que deixam o PP agora pretende abandonar a política. Até março vão definir a sigla que os abrigará. Como informou fonte do Site, “o destino ainda não foi fechado, mas é ideologicamente o de Centro-Direita”. Apuração feita pelo editor aponta dois destinos possíveis: DEM (mais adiantado na conversa) ou PSDB.

ATENÇÃO


1) Tua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo