DestaqueEleições 2022Santa Maria

PARTIDOS. Reitor Paulo Burmann deixa em aberto possibilidade de concorrer a deputado ou a prefeito

Mas antes, ao deixar o cargo na UFSM, vai dedicar um período para reflexão

Filiado ao PDT, Burmann admite concorrer. Antes, dedicará período para refletir e conviver com a família e amigos (foto Reprodução)

Um dos mais ilustres filiados ao PDT santa-mariense, e sempre lembrado como quadro disponível para concorrer a cargos públicos, Paulo Burmann deixa a reitoria da UFSM em dezembro.

Em função disso e por conta do próprio “dna” dos Burmann, família historicamente ligada ao trabalhismo, o site encaminhou a ele duas perguntas. Simples, na verdade. Mas as respostas são pra lá de significativas, como você pode conferir abaixo:

O seu segundo mandato está terminando, à frente da Reitoria. Há quem diga que o senhor seguirá, inclusive por gosto e tradição familiar, a carreira política. O que há de correto ou não nisso?

Por questões pessoais, devo me recolher por um período ainda não definido – um período para refletir e estreitar o convívio familiar e com amigos. Todos somos seres políticos, em certa medida. Nessa perspectiva, não pretendo me aposentar da atuação junto à coletividade, mas isso não significa obrigatoriamente que postularei cargos públicos.

Diz-se que o senhor (que tem filiação no PDT) tanto pode ser candidato a deputado em 2022, quanto a prefeito em 2024. Há essas possibilidades?

Todas as possibilidades estão em aberto. Porém, tenho ainda um grande desafio e responsabilidade: dar continuidade e incrementar os processos de gestão que revolucionaram administrativa e academicamente nossa Universidade e a projetaram a patamares de qualidade e visibilidade à altura da sua relevância, no cenário local, regional, nacional e internacional.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

  1. O candidato que a esquerda da aldeia não tem. Fora do sistema, é ‘novidade’. Mas tocar uma IFES é bem diferente de tocar uma cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo