DestaqueSanta Maria

BASTIDORES. CPI do Independência, 98 almas no Casarão e Associação Comunitária do Bairro Uglione

Vereadores poderão formar a primeira CPI do ano na sessão desta terça-feira

Vereador Pacheco é o proponente da CPI para investigar licitação do Shopping Independência (Foto Camila Porto Nascimento/Câmara)

Por Maiquel Rosauro

A primeira Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da atual Legislatura, em Santa Maria, poderá ser formada nesta terça-feira (20). Quem propõe é o vereador Pablo Pacheco (PP).

O objetivo do progressista é investigar o cumprimento de termos previstos no processo licitatório do Shopping Popular Independência (AQUI). Caso sua instalação seja aprovada em plenário, será formada por três parlamentares, sendo que Pacheco, o primeiro signatário, tem participação assegurada.

Expediente interno?

Às 10h53min desta segunda-feira (19), 98 almas já haviam ingressado no Casarão da Vale Machado. A informação foi transmitida por uma fonte do Site preocupada com a aglomeração de pessoas no Parlamento, que enfrentou surto de covid-19 em fevereiro.

E olha que o artigo 6º da Resolução Legislativa 2/2021, publicada em 8 de abril, diz “na vigência da Bandeira Preta o expediente será exclusivamente interno”.

Nesta mesma bandeira, podem atuar na Casa 25% dos servidores ou, no máximo, duas pessoas e o vereador nos setores administrativos e gabinetes.

Bairro Uglione

O ex-candidato a vereador pelo PP, Nicolas Xavier – Nicão, é o novo presidente da Associação Comunitária do Bairro Uglione. Ele assumiu no lugar de Andrei Quevedo, que agora passa ao cargo de vice-presidente.

Conforme Nicão, em razão impossibilidade de realização de uma eleição devido à pandemia, foi formada uma direção provisória que seguirá trabalhando até o novo pleito.

Nicolas Xavier (C), ex-candidato a vereador, é, sem eleição, novo presidente da Associação Comunitária do Bairro Uglione (Foto Divulgação)

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo