DestaqueSanta Maria

BASTIDORES. Mais três querem viajar a Brasília, banho e tosa, a lei da liberdade econômica e CPI da Covid

Aberta a temporada de viagens de edis de Santa Maria até a Capital Federal

Reuniões na próxima semana em Brasília, por Alexandre Vargas, Admar Pozzobom e Adelar Vargas – Bolinha (Foto Reprodução)

Por Maiquel Rosauro

Mais três vereadores de Santa Maria vão rumar para Brasília este mês. Além de Pablo Pacheco (PP), Roberta Pereira Leitão (PP) e Rudinei Rodrigues – Rudys (MDB), que o Site NOTICIOU no sábado (5), mais um pedido de viagem foi protocolado no Parlamento nesta segunda-feira (7).

Agora, Alexandre Vargas (Republicanos), Admar Pozzobom (PSDB) e Adelar Vargas – Bolinha (MDB) querem bater ponto na Capital Federal entre os dias 13 e 17 de junho. O requerimento será votado na sessão desta terça-feira (8). O trio já tem compromissos agendados com 12 parlamentares, entre deputados federais e senadores.

Há uma diferença importante entre as duas comitivas: Pablo, Roberta e Rudys vão viajar, entre os dias 9 e 14 de junho, sem diárias e sem carro oficial. Já Alexandre, Admar e Bolinha solicitam no pedido de viagem o pagamento de diárias e uso de carro oficial.

Dezembro…

Uma curiosidade: A primeira comitiva é formada 100% por vereadores de oposição. Já a segunda tem dois governistas, Alexandre e Admar, e o oposicionista Bolinha.

Longas viagens costumam aproximar aqueles que estão, momentaneamente, em lados opostos do jogo político. Se esta viagem vai ter resultado ou não, a resposta virá em 30 de dezembro, data da eleição para a nova Mesa Diretora do Legislativo.

Banho e tosa, e liberdade econômica

Dois projetos de lei serão votados, nesta terça, no Parlamento de Santa Maria. O primeiro é de autoria de Bolinha e visa tornar em atividade essencial, em períodos de calamidade pública e pandemia, a prestação de serviços de petshop que realizem banho e tosa.

O segundo é o famoso projeto da Lei de Liberdade Econômica, de autoria do poder Executivo, que já deveria ter sido aprovado há tempos. Na Legislatura passada, Manoel Badke – Maneco (DEM) apresentou a iniciativa e, no início do ano, Tubias Calil (MDB) fez o mesmo, mas ambos não obtiveram sucesso na empreitada. Agora vai! Só falta definir quem será o pai da criança.

CPI

A semana iniciou com oitiva do procurador geral do Município, Guilherme Cortez, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a condução da pandemia pela Prefeitura. Ele foi inquirido sobre diversos temas, que incluem: vacinação, comunicação, uso de máscaras, economia, fiscalização, boletim epidemiológico…

A relatora da CPI, Helen Cabral (PT), divulgou uma nota em que critica a postura do depoente.

“Infelizmente, sentimos que as testemunhas evitam e fogem de algumas respostas, o que tem sido uma marca do atual governo municipal e, hoje, ficou ainda mais claro que é intencional.  Isso só mostra a dificuldade que o governo encontrará em explicar como chegamos até este momento, com hospitais cheios, UTIs pelo SUS lotadas, com 693 mortes pela covid-19. Mais de 500 moradores e moradoras de Santa Maria perderam a vida só neste ano, o que é muito preocupante”, diz Helen.

Além da petista, a CPI é formada por Roberta Pereira Leitão, presidente; e Givago Ribeiro (PSDB), vice-presidente.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo