DestaqueSanta Maria

JORNALISMO. Mais de 24 mil leitores diferentes no site em julho. Edis protagonizaram as notas mais lidas

Num mês de “velocidade cruzeiro”, vereadores e a política são os campeões

Não é uma audiência daquelas extraordinárias.  Nem poderia. Afinal, foi julho um mês “tranquilo” e, sobretudo, com a pandemia de coronavirus perdendo espaço entre os temas campeões de leitura, como se percebe em todos os veículos de imprensa. Não se sabe se é uma tendência, mas o fato é que a “velocidade cruzeiro” pode estar a se estabelecer.

Um indício é o número de leitores diferentes a acessar o www.claudemirpereira.com.br, conforme a auditagem do Google Analyics. É um número expressivo, claro, mas sem recordes. Foram exatos 24.536 no mês passado, como é possível conferir na imagem no alto.

Outro indício, talvez ainda mais expressivo, são as notas mais lidas de julho. Ambas têm como protagonista a política. E mais: dois vereadores. Quais? Confira a seguir e, se desejar, releia:

As duas notas mais acessadas do site no mês passado têm vereadores como protagonistas: Tubias e Rudys (Imagens de Reprodução)

A campeã: COVID-19. Ao se vacinar, o vereador Tubias Calil ouve: “outro dia tu vai depender de nós servidores”, publicada na madrugada de 7 de julho, quarta-feira (AQUI).

A segundo colocada:  CÂMARA. Rudys diz sofrer intimidação, mas avisa: não revelará quem frequentava a sua casa noturna!”, postada na madrugada de 9 de julho, sexta-feira (AQUI)

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo