DestaqueSaúde

COVID-19. Prefeitura divulga agora o Boletim de sábado, com 80 casos confirmados a mais em SM

Número de internados continua em 28, com a metade deles em leitos de UTI

Apenas perto do meio dia deste domingo, a Prefeitura PUBLICOU, no site do município, o Boletim Epidemiológico de ontem (veja na imagem acima). A melhor informação é a inexistência de novos óbitos. Mas há crescimento, ainda que proporcionalmente baixo, em outros índices. Nos casos confirmados, por exemplo, são 80 a mais, na comparação com o dia anterior.

Aliás, você tem todos esse números abaixo, acompanhados dos de sexta-feira (entre parênteses), para permitir a comparação. Confira:

Casos confirmados: 43.321 (43.241)

Descartados: 6.922 (6.921)

Casos suspeitos: 1.371 (1.369)

Pacientes curados: 40.440 (40.357)

Casos Ativos: 29 (30)

Óbitos: 822 (822)

Já no que toca às hospitalizações, você confere AQUI as informações que o site disponibilizou na noite deste sábado, com 28 internados, dos quais 14 em leitos de Unidades de Terapia (intensiva).

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo