DestaqueSanta Maria

FEICOOP. Parlamento promove painel sobre renda básica. 8.111 famílias estão aptas a receber auxílio

Projeto de lei foi aprovado na Câmara de Vereadores na última quinta-feira (9)

Plenária reuniu lideranças na tarde de sábado (9), na Feicoop. Foto Camila Porto / Câmara

Por Camila Porto / Câmara de Vereadores

Na tarde de sábado (9), a Comissão Especial criada para criada para acompanhar a implantação do Auxílio Inclusivo Municipal no Município de Santa Maria, do Parlamento Municipal promoveu painel na 27ª edição da Feira Internacional do Cooperativismo (Feicoop). A plenária teve como tema “Renda básica como meio de combater desigualdades” e reuniu os vereadores Givago Ribeiro, Luci Duartes, Marina Callegaro e Rudys Rodrigues, o prefeito municipal, Jorge Pozzobom, o secretário de Desenvolvimento Social, João Chaves, a deputada federal, Maria do Rosário, os deputados estaduais, Edegar Preto, Valdeci Oliveira, a diretora da Rede Brasileira de Renda Básica, Paola Carvalho, a coordenadora do Projeto Esperança/Cooesperança, irmã Lourdes Dill, líderes comunitários e comunidade em geral.

A vereadora Marina Callegaro, presidente da comissão, conduziu o painel. A parlamentar lembrou que, na última quinta-feira (9), a Câmara aprovou o Projeto de Lei nº 9301/2021, de autoria do Executivo Municipal, o qual cria a transferência de renda municipal, destinado a famílias em pobreza e extrema pobreza. Callegaro informou que estão aptas a receber o auxílio de R$ 200,00, durante os meses de novembro e dezembro, pessoas em situação de pobreza e extrema pobreza inscritas no Cadastro Único do Governo Federal. Nesse sentido, destacou que 8.111 famílias estão aptas a receber o auxílio.

O prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom, ressaltou que o projeto é uma construção coletiva do Executivo com o Legislativo. Apontou que a Câmara destinou R$ 3 milhões do orçamento para viabilizar a iniciativa municipal. Além disso, complementou dizendo que o Município destinou R$ 600 mil para tornar viável o deslocamento dos cidadãos para receber o auxílio.

A diretora da Rede Brasileira de Renda Básica, Paola Carvalho, sublinhou a importância de políticas públicas de transferência de renda, como o auxílio inclusivo municipal, diante do momento de crise financeira e desemprego no país.

O secretário de Desenvolvimento Social, João Chaves, estimou que, até o fim do mês, o Executivo deverá divulgar os nomes dos beneficiários. Segundo o secretário, a publicidade será feita através do site da prefeitura municipal: www.santamaria.rs.gov.br, ademais, um número de telefone fixo será disponibilizado para sanar as dúvidas da população a respeito do assunto.

Fazem parte da comissão vereadores criada para acompanhar a implantação do Auxílio Inclusivo Municipal no Município de Santa Maria os vereadores Marina Callegaro (presidente), Alexandre Vargas (vice-presidente) e Rudys Rodrigues (relator).

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo