CulturaDestaqueRegião

PARAÍSO DO SUL. Documentário resgata a história do município e da Colônia Santo Ângelo. Assista

Documentário foi produzido com recursos provenientes da Lei Aldir Blanc

Historiador Cristiano James Kleinert apresentou o documentário ao prefeito Artur Ludwig. Foto Divulgação

Por Prefeitura de Paraíso do Sul

Na última sexta-feira (8), o prefeito Artur Ludwig recebeu em seu gabinete o paraisense Cristiano James Kleinert, desenhista industrial e historiador para falar sobre a produção de um documentário sobre a história de Paraíso do Sul.

Na oportunidade, Kleinert pode apresentar ao prefeito e a secretária de Educação e Cultura, Rosângela Baumhardt, o documentário e relatar como se deu todo processo de criação e resgate que foi a produção da obra.

Kleinert produziu este material através de Projeto da Lei Aldir Blanc destinada ao setor cultural como fomento a economia da cultura local, incentivando produções culturais que favoreçam o desenvolvimento da cidadania em Paraíso do Sul.

O documentário retrata a saga da formação cultural e étnica, de todos os povos que formaram a identidade do Município de Paraíso do Sul, dentro do contexto histórico da Colônia Santo Ângelo.

“Meu maior objetivo, ao pesquisar e produzir este material, como profissional de mídia e historiador, é o de gerar conhecimento sobre as origens, um senso de pertencimento e de identidade aos habitantes de Paraíso do Sul”, disse Kleinert.

O historiador paraisense realizou a tradução para inglês, alemão e espanhol, que está disponível nas legendas do YouTube.

O prefeito ressaltou a importância de trabalhos como este para a riqueza da cultura local. Paraisenses que saem de sua cidade em busca de conhecimento e formação e retornam retribuindo com sua comunidade.

Estiveram presentes além de Ludwig, Kleinert e Rosângela, a Técnica em Informática Rovana Radiske.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo