Saúde

SAÚDE. Prefeitura monitora alerta epidemiológico do Estado sobre surto de Doença Diarreica Aguda

Surto de vômito e diarreia atinge seis crianças de uma creche na cidade

Por Superintendência de Comunicação da Prefeitura de Santa Maria

A Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, monitora as informações referentes a um possível surto de Doença Diarreica Aguda (DDA) em Santa Maria. A situação foi registrada em 25 municípios gaúchos, conforme alerta epidemiológico emitido pelo Centro Estadual de Vigilância em Saúde. 

O setor municipal de Vigilância em Saúde recebeu, na manhã de quinta-feira (7), a notificação de um surto de vômito e diarreia em seis crianças de uma creche do Bairro Nossa Senhora das Dores. As crianças têm entre 1 ano e meio e 2 anos. Uma equipe da Prefeitura foi ao local, onde foi feita uma investigação epidemiológica, com verificação das condições de higiene e coleta de amostras de água para análise. Não havia alimentos em condições suspeitas no ambiente. Por enquanto, não há como confirmar que a causa do surto averiguado nessa creche particular seja a DDA apontada pelo alerta do Estado. 

Os servidores entraram em contato com as famílias das crianças acometidas por vômito e diarreia e solicitou coleta de fezes para exame a ser realizado no Laboratório Central do Estado (Lacen-RS). Até às 10h30min desta sexta-feira (8), apenas uma amostra solicitada foi entregue ao setor de Vigilância em Saúde de Santa Maria. A equipe começará a enviar as coletas para o Lacen a partir do início da próxima semana. A Secretaria Municipal de Saúde segue monitorando a saúde das crianças. De acordo com as informações da pasta, nenhuma delas estaria em estado grave ou internada. 

A Prefeitura ressalta que ainda não recebeu do Estado informações de casos confirmados de DDA em Santa Maria. Porém, todos os hospitais da cidade e a creche foram orientados a manter observação em casos de sintomas de diarreia e vômito. Tão logo forem observadas situações que configurem surto, a Vigilância em Saúde deve ser imediatamente informada. 

O que é a Doença Diarreica Aguda (DDA)?*
A DDA é causada por diferentes microrganismos (bactérias, vírus, parasitas). O principal sintoma é o aumento do número de evacuações, com fezes aquosas ou de pouca consistência. A patologia pode estar acompanhada de náusea, vômito, febre e dor abdominal. 

Como a doença é transmitida?*
A transmissão ocorre por meio do consumo de água ou alimentos contaminados. Em casos que estão associados ao norovírus, a transmissão também pode ocorrer pelo contato com pessoas doentes, a partir de secreções corporais ou superfícies contaminadas. 

Dicas para se prevenir*

  • Higienizar as mãos de forma adequada e frequente, com água e sabão
  • Consumir água de fontes seguras (potável)
  • Em situações de emergência (falta de acesso à água potável), recomenda-se ferver a água antes do consumo e antes do preparo de alimentos por, no mínimo, 5 minutos
  • Consumir gelo proveniente de água potável/fervida
  • Após o preparo de alimentos, limpar com água e sabão as superfícies, equipamentos e utensílios utilizados, finalizando a limpeza com solução clorada diluída, sem enxágue
  • Realizar a limpeza da caixa d’água uma vez ao ano ou sempre que necessário

*Fonte: Governo do Estado

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo