DestaqueSegurança

POLÍCIA. Mais de dez quilos de drogas são apreendidos, em flagrante, em Santa Maria

Rapaz de 27 anos, sem antecedentes policiais, foi preso

Por 3ª Delegacia de Polícia Regional do Interior

Nesta quarta-feira (19), a Polícia Civil, através da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas – DRACO/Santa Maria, realizou a prisão em flagrante de um indivíduo de 27 anos de idade pelo crime de tráfico de entorpecentes.

A prisão ocorreu em decorrência de mandado de busca e apreensão no Bairro Juscelino Kubitscheck onde foram localizadas e apreendidas drogas ilícitas, sendo: 9.222 kg de maconha e 1.659 kg de cocaína, além de 1.284 kg de cafeína, insumo para misturar e diluir cocaína.

Parte da droga estava enterrada em tonéis debaixo de uma caixa d’água no pátio da residência.

O preso não possui antecedentes policiais e após os trâmites de praxe foi encaminhado à Penitenciária Estadual de Santa Maria (PESM).

A ação foi coordenada pela delegada Alessandra Padula, titular da DRACO/Santa Maria.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo