Artigos

Saúde como prioridade – por Joao Luiz Vargas

Conquista: em São Sepé, SUS passa a atender mais uma especialidade

Na manhã desta quinta-feira, 23, São Sepé deu um grande passo na melhoria da saúde pública. Graças ao grande trabalho realizado pelos profissionais do Hospital Santo Antônio, a partir de agora, o município passa a contar com atendimento urológico totalmente coberto pelo Sistema Único de Saúde, o SUS. Com isso, os munícipes não precisam mais aguardar por tanto tempo na fila de espera, para atendimentos em hospitais da região. São Sepé possui pelo menos 300 pessoas aguardando atendimento.

Esse é mais um passo firme em busca de um atendimento de qualidade para nossa comunidade, através de um trabalho que envolve a Administração Municipal, por meio da Secretaria da Saúde, e a direção do Hospital Santo Antônio. Essa notícia, que enche o coração de alegria, também me lembra os tempos difíceis enfrentados durante o auge da pandemia do Coronavírus, em que o Hospital de São Sepé conseguiu atender com êxito pacientes de toda a região.

Em conjunto com as Unidades Básicas de Saúde, o Hospital é a referência na busca de tratamentos e consultas pelos sepeenses. Durante anos a instituição foi presidida pelo meu amigo e atual vereador, Dr Maninho, e hoje tem como Presidente o Dr Dwanny. Ambos possuem como foco a qualidade nos atendimentos e principalmente, trabalham para o crescimento do Hospital, em busca de oferecer a todos os profissionais, para que a comunidade não precise mais sair de São Sepé em busca de atendimentos.

Todos os passos dados pela saúde devem ser comemorados e parabenizados, pois são conquistas de um trabalho longo e incansável dos profissionais que São Sepé tem a sorte de contar.

 (*) João Luiz Vargas, prefeito de São Sepé (ex-deputado, ex-presidente da Assembleia Legislativa e ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado), escreve no site às sextas-feiras.

Leia também

ATENÇÃO


1) Sua opinião é importante. Opine! Mas, atenção: respeite as opiniões dos outros, quaisquer que sejam.

2) Fique no tema proposto pelo post, e argumente em torno dele.

3) Ofensas são terminantemente proibidas. Inclusive em relação aos autores do texto comentado, o que inclui o editor.

4) Não se utilize de letras maiúsculas (CAIXA ALTA). No mundo virtual, isso é grito. E grito não é argumento. Nunca.

5) Não esqueça: você tem responsabilidade legal pelo que escrever. Mesmo anônimo (o que o editor aceita), seu IP é identificado. E, portanto, uma ordem JUDICIAL pode obrigar o editor a divulgá-lo. Assim, comentários considerados inadequados serão vetados.


OBSERVAÇÃO FINAL:


A CP & S Comunicações Ltda é a proprietária do site. É uma empresa privada. Não é, portanto, concessão pública e, assim, tem direito legal e absoluto para aceitar ou rejeitar comentários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo